Baianinhas da Unidos de Padre Miguel são destaque na Sapucaí

Por Matheus Emanuel

baianinhasCom muito brilho e bastante colorida, a fantasia das baianinhas se mostrou bem diferenciada, com saias representando o fundo do mar em tom azul e cabeças laranjas. Geisa Soares, que desfila na Unidos há mais de cinco anos, destacou o crescimento da escola e se mostrou lisonjeada por participar de uma ala que faz alusão às matriarcas da escola da Vila Vintém.

– Essa fantasia é linda demais, nos permite evoluir de maneira plena. É muito bonito ver o crescimento da escola e esperamos muito esse título tão sonhado. A escola vem se preparando há muito tempo para chegarmos no Grupo Especial e se Deus quiser, isso vai acontecer esse ano, tenho fé nisso! – apostou.

Claudia Simone, que desfila na Unidos há mais de 12 anos adorou a fantasia e afirmou que a agremiação nunca esteve tão preparada para o Acesso. Ela também destacou que a lenda do nascimento das águas do Rio Amazonas sempre foi uma lenda que ela se apegou. Confirmando que acredita no mito contado no desfile da Unidos de Padre Miguel.

– A fantasia tem uma representatividade imensa para mim, eu sempre acompanhei essa lenda desde os tempos de colégio e agora que desfilei com essa fantasia, posso dizer que estou completa. A lenda do Eldorado Submerso como um todo é muito importante no ponto de vista cultural e histórico. Acho que todas as pessoas devem prestar mais atenção nessa história após o desfile da Unidos. É importantíssimo para nossa cultura. Temos totais condições de ir para o Grupo Especial, temos fantasias, alegorias, samba, bateria e comunidade para tal. Agora só nos resta esperar a quarta-feira de cinzas para comemorarmos na Vila Vintém até o dia amanhecer – afirmou a confiante componente.