Balanço dos desfiles na Intendente

0 Flares 0 Flares ×

Os desfiles da Intendente em 2011 provaram que as escolas dos Grupos C,D e E correspondem as mudanças na AESCRJ. Excetando uma ou outra todas se prepararam para brigar por título. Eu começo pelo Grupo E que desfilou nesta terça-feira de carnaval. O público que sempre lota a passarela de desfile foi brindado com belas surpresas de escolas que vinham se esforçando muito pouco nos últimos anos. Esse ano não houveram casos de escolas que não trouxeram carros ou componentes sem fantasia como ocorreu nos últimos anos. Que fique claro o fato de na minha concepção esse esforço ser incentivado muito mais pela possibilidade de qualquer um vencer me uma competição honesta do que o medo de virar bloco.

Assim, são três as escolas que despontaram na briga por uma vaga no grupo D após o desfile desta terça: Matriz de São João, Unidos de Lucas e Unidos do Cabral. Colocaria ainda correndo por fora a Chatuba de Mesquita e o Arame de Ricardo. Começo por essas duas. O Arame que tem um charme especial cativante, ao menos pra mim, passou com a discrição de sempre. O samba prejudicou a harmonia, só que a escola veio bonita plasticamente. Chatuba foi outra que veio bem na parte plástica e tinha até uma bateria boa, mas o samba não rendeu. O desfile do Cabral foi um dos mais divertidos que já vi na Intendente e boa parte da cominicação que escola estabeleceu com o publico atribuo a comissão de frente com banhistas e camelos simulando um ataque do rapa. As fantasias do Cabral eram de fácil leitura e apesar de eu não gostar do samba, reconheço que foi bem cantado pelos componentes. Matriz de São João fez um desfile perfeito, sem cometer erros. A escola é muito organizada e tem um chão de fazer inveja a muita escola do Especial.

Na segunda-feira as escolas do Grupo D também proporcionaram um grande espetáculo coloco como favoritas Leão de Nova Iguaçu, Império da Praça Seca e Dendê. É muito bonito ver o Leão renscer das cinzas, ainda mais com um sambão daqueles. É bonito também ver uma escola jovem, com tantos jovens na alegoria e dando tão certo quanto o Império da Praça Seca. E o Dendê mais uma vez se superou plásticamente e passou completo e sem problemas em samba, enredo e etc.

Por incrível que pareça o grupo C foi o mais fraco de todos. Coloco como favoritos o Arrastão de Cascadura, a Unidos de Vila Santa Tereza e Favo de Acari. No entanto tem várias escolas correndo por fora e que não surpreeenderia se vencessem o grupo C. Destaco a Em Cima da Hora que só não entra no primeiro grupo citado pq um dos carros quebrou. Outro destaque foi o sol presente e lindo no desfile do Favo de Acari quando já eram 8h da manhã. Não chegou a esse ponto única e exclusivamente pelo número de escolas no grupo, ou seja 16, mas sim pela quebra de um dos carros de som da pista, o que acarretou enormes atrasos.

Enfim, curti o carnaval 2011 de um jeito completamente diferente dos outros, mas que foi bom foi. O lado ruim dessa história são os lamentos dos moradores que assistem aos defiles com a notícia da propavel tranferência da pista de desfiles para Deodoro, mas isso é papo pra outra ocasião.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×