Beija-Flor: Laíla abre votos em disputa de samba e afirma possuir a melhor safra do Carnaval 2016

Campeão do Carnaval 2015 do Grupo Especial, o diretor geral de carnaval e harmonia da Beija-Flor de Nilópolis, Laíla, optou por abrir o voto de cada responsável dos segmentos na eliminatória de samba para o Carnaval de 2016, que acontece na noite desta quinta. O dirigente fez um discurso na quadra defendendo as composições. – Do alto de quem tem 52 anos no carnaval eu posso garantir que a Beija-Flor possui a melhor safra do ano novamente. Tem escola que não tem um samba e nós temos quatro para escolher – disparou.

* OUÇA AQUI OS SAMBAS CONCORRENTES DA BEIJA-FLOR

Laíla implementou novidades na disputa da Beija-Flor para este ano. A escola recebeu a inscrição de 22 obras em seu concurso, mas apenas 10 se apresentaram na quadra. Uma fase preliminar foi realizada no barracão e mais da metade dos sambas fora cortado. Segundo Laíla, a disputa de sambas está maçante e enfadonha. – Cada ano procuro algo novo aqui dentro da Beija-Flor para que o concurso fique menos chato. Decidi abrir o voto das pessoas responsáveis para que minha comunidade tenha ciência que eu não decido sozinho – afirmou Laíla.

Polêmico e contundente, o diretor de carnaval da Beija-Flor mais uma vez questiona o posicionamento da mídia com relação à safra de sambas-enredo da escola. – Estou na Beija-Flor ininterruptamente desde 1995 e fui montando uma comunidade aguerrida nesse período. Vejo muitos comentários na internet de gente sem nenhum conhecimento musical criticando os sambas da Beija-Flor, mais uma vez. Muita gente diz que quero mandar demais, mas aqui na escola é tudo decidido de maneira democrática. Essas pessoas não tem o conhecimento musical que eu tenho – atacou.

Com o enredo "Mineirinho Genial! Nova Lima – Cidade Natal. Marquês de Sapucaí – O Poeta Imortal", a azul e branco será a terceira escola a desfilar no domingo de carnaval pelo Grupo Especial.