Concorrentes Império Serrano 2012 – Samba 11

Autores: Caixa D´Água, Russo das Frutas, Marinho, Jalmir Talismã, João D´Paula e Flavio Santtana

Intérprete: Rogerinho Renascer

BRILOU LÁ NO JONGO DA SERRINHA
ESSA JÓIA RARA TÃO CHEIRA DE LUA
A MÃE PASTORA DO RANCHO FLOR DO ABACATE
SEU PAI NA VIOLA ERA UM CRAQUE
É LENDA VIVA QUE A TODOS NOS SEDUZ
PRIMA DO SAUDOSO MESTRE FULEIRO
A CONTRALTO CANTAVA MANEIRO
A MAESTRINA AO VILLA LOBOS ENCANTOU
LIVRE COMO UM PASSARINHO
CRIOU SEU PRÓPRIO NINHO
SUA PRIMEIRA CANÇÃO ENTOOU

TIÊ TIÊ OIA LÁ OXÁ
LEMBRANÇAS DA MENINA
SE A VOVÓ FOSSE ZANGAR

MÃE GUERREIRA ENFERMEIRA NA PROFISSÃO
VIU NASCER O MEU IMPERIO NOSSA NAÇÃO
VENCEU PRECONCEITO ACEITOU DESAFIOS
E A VERDE E BRANCO CANTOU
OS CINCOS BAILES DA HISTÓRIA DO RIO
SONHO, AMOR, LIBERDADE, TRISTEZA E SAUDADE
MAIS NUNCA RANCOR
CANTANDO COM SIMPLICIDADE
NOS PALCOS DA VIDA ELA SE CONSAGROU
NA ALA DA CIDADE ALTA
FOI A MÃE BAIANA FIEL TRADIÇÃO
ÉS O ENREDO DO MEU SAMBA
SORRISO NEGRO MINHA INSPIRAÇÃO

TOCOU REUNIR…NO MEU IMPÉRIO
VAMOS SACUDIR…AGORA É SÉRIO
É A SINFONICA…COM A DAMA DO SAMBA
DONA IVONE LARA A MAJESTADE DOS BAMBAS