Concorrentes Mangueira 2012 – Samba 101-E

SAMBA 101-E

HOJE EU VOU CANTAR
PRA “FESTEJAR” A MINHA HISTÓRIA
MOMENTOS TRISTES, OUTROS FELIZES
CICATRIZES E GLÓRIAS
FOI A “ÁFRICA”, O BERÇO, A RAIZ
O RIO DE JANEIRO “A PROMESSA”
DE UM FUTURO MAIS FELIZ.
“UM GUERREIRO” DESENHOU MEU SONHO LINDO
ACORDEI ME DIVERTINDO ENTRE TANTOS FOLIÕES
NAS PRAÇAS, ZOMBARIAS, BRINCADEIRAS
DO ENTRUDO AO ZÉ PEREIRA, ENTRE RANCHOS E CORDÕES.

NESSA ONDA QUE EU VOU, OLHA A ONDA IÁIÁ
VEM MEU AMOR, VAMOS BRINCAR JUNTINHOS
CACIQUEAR É UMA COISA LOUCA
ÁGUA NA BOCA PRA QUEM FICAR SOZINHO.

NAS RUAS A NOSSA FESTA É ESQUECIDA
NEM TUDO NA VIDA SÃO FLORES
A NOSSA “PAIXÃO” AGONIZA
MAS A FÉ NOS TRANQUILIZA,
AMENIZA NOSSAS DORES
ERGUEU-SE UM NOVO CASTELO
O “DOCE REFÚGIO” DE BAMBAS
E DO MAIOR DE TODOS OS “RAMOS”
NASCERAM FRUTOS DIVINOS DO SAMBA.

BATE FORTE O SURDO UM
ARREPIA O REPINIQUE
MINHA ESTAÇÃO PRIMEIRA
TIRA ONDA DE CACIQUE
TRAGO DA TAMARINEIRA
TODA FORÇA DO MEU CANTO
MANGUEIRA, EU TE AMO TANTO.