Concorrentes Mangueira 2012 – Samba 102-E

0 Flares 0 Flares ×

Samba 102-E

VIM DO SOLO AFRICANO
APRISIONADO EM GRILHÕES
ENTRE GRITOS ALUCINANTES E LAMENTAÇÕES
AO DESEMBARCAR NESTE TORRÃO
ODÔYA IEMANJÁ TROUXE A PAZ E AFLOROU MEU CORAÇÃO
SONHEI QUE UM GUERREIRO CAÇADOR
DESVENDOU O MEU DESTINO DEBAIXO DA TAMARINEIRA
FALOU QUE AS PLANTAS TAMBÉM PODEM NOS CURAR
BANHOS DE ERVAS PARA COMBATER A DOR
DO CORPO E DA ALMA MEU AMOR

OH! MEU RIO DO ZÉ PEREIRA
DO ENTRUDO DO ZUM ZUM ZUM
BATAM PALMAS É BRINCADEIRA
O SOM DA BATERIA SURDO UM
         
TANTA COISA QUE NO TEMPO SE PERDEU
OLHA O RANCHO OLHA O FREVO QUE SAUDADE
DAS GRANDES SOCIEDADES E DOS CORDÕES
A PRAÇA ONZE "PEQUENA AFRICA" ENCANTAVA MULTIDÕES
E O BAILE DE VENEZA A NOBREZA NOS SALÕES
BAFO DA ONÇA TAMBÉM EMPOLGOU
MAS CACIQUEANDO EM VERDE E ROSA EU VOU
O SOM DA MASSA ECOOU NO "FUNDO DO QUINTAL"
DOCE REFÚGIO CELEIRO DE BAMBAS
ALTA BANDEIRA DO SAMBA
BERÇO DA ARTE DE IMPROVISAR
O SAMBA NÃO VAI SE CALAR

VOU FESTEJAR
PAGODEANDO NA TAMARINEIRA
CUSTE O QUE CUSTAR
SOU CACIQUE SOU MANGUEIRA

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×