Concorrentes Vila Isabel 2012 – Samba 14

 

AUTORES: Pedrinho, J.P., Lucio Oliveira, Zé Maria do Bar e Claudio Emiliano

INTÉRPRETE: P. P. NITERÓI

LÁ VEM MINHA VILA, NA FORÇA E NA RAÇA
É SANGUE E SUOR, É UNIÃO
NO BRILHO DA COROA QUE ME ENFEITIÇOU
A MISCIGENAÇÃO DA NEGRA COR
HÍBRIDAS FORMAS… POVOS IRMÃOS
NJINGA, A GUERREIRA PROTETORA DESTE CHÃO
CONQUISTADOR VEM DE ALÉM-MAR
PRA OPRIMIR, ESCRAVIZAR
MÃE ÁFRICA CHORA… UM OCEANO A CADA FILHO PERDIDO
LEVA CONSIGO AS TRADIÇÕES
RUMO AO DESCONHECIDO

NO CAIS DO TORMENTO
ENFIM NOVOS VENTOS… SOPRAM NO CÉU
REAL ESPERANÇA DE LIBERTAÇÃO
NO BRASÃO DE ISABEL

É DANÇA, É RITMO FORTE, É CONGADA
PRA COROAÇÃO COMEMORAR
TEM FESTA DO DIVINO, SIM SENHOR
VALEU QUILOMBOLA… TEU GRITO ETERNIZOU
AXÉ… EMANA DO TERREIRO DE CIATA
PODE CHEGAR QUE AQUI TEM BATUCADA
DO SEMBA… NASCE ENTÃO O SAMBA
NOEL CANTOU PRA TODOS NÓS
MARTINHO SE FEZ PORTA-VOZ
ESTÁ NA MEMÓRIA DE TODA A NAÇÃO
HISTÓRIA VIVA NO MEU PAVILHÃO

BATE NO PEITO E DIZ
EU SOU DA VILA O QUÊ QUE HÁ? TEM QUE RESPEITAR
RAIZ CULTURAL… DO MEU CARNAVAL
ANGOLA É LIVRE PRA CANTAR