Confira a análise cabine a cabine de jurados do desfile da Unidos da Tijuca

Cabine 1 (Por João Santoro)

Comissão de Frente mais uma vez se superando. O maior momento acontecia quando aparecia a Mclaren de Senna para o público. O casal não teve problemas, passou fazendo o esperado. Alegorias não luxuosas, porém enquadradas no enredo. Trabalho de acabamento melhor que nos últimos anos, o mesmo pode-se falar das fantasias que eram, na grande maioria, leves deixando o componente evoluir e cantar bastante. Evolução perfeita da Tijuca na primeira cabine. O canto também foi um ponto alto da Tijuca.

Cabine 2 (Por Guilherme Alves)

A escola chegou ao módulo aos 12 minutos de desfile, com uma apresentação sem erros de sua Comissão de Frente, porém menos arrebatadora e surpreendente, em relação aos últimos anos. O casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira, Julinho e Rute, estrearam na conduta do novo pavilhão, sem erros, com uma apresentação mais para o clássico. Parte das fantasias de muitas alas foram caindo ao longo do desfile e algumas apresentavam pequenas falhas, com partes quebradas ou desmontando. Os carros eram bem acabados e no geral só funcionavam com as coreografias que já são costumeiras da escola e do seu carnavalesco. A agremiação terminou o desfile na cabine aos 61 minutos, com Paulo Barros no final, sendo muito aplaudido pelo público.

Cabine 3 (Por Daniel Guimarães)

Comissão de Frente fez boa apresentação, chamando atenção do público. Casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira também passou bem. Na Ala "Eletricidade" havia uma componente com o celular na mão. Fantasias das alas "velocidade da luz" e "Papaléguas" causaram um bom efeito visual na avenida. A bateria entrou no recuo aos 53 minutos de desfile. Os carrinhos da corrida maluca que passavam por um trilho na 4ª alegoria, eram de qualidade muito aquém do restante do conjunto alegórico da escola. Harmonia muito boa e Evolução impecável. Ala das crianças passou muito animada e cantando muito.

Cabine 4 (Por Vitor Rangel)

A Comissão de Frente passou fazendo uma apresentação que levantou o público. A bonita e divertida performance recebeu muitos aplausos. O casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira também fez uma exibição sem erros, com a já conhecida sintonia entre Julinho e Rute. A bela dança da dupla foi muito aplaudida por jurados e público.
A Harmonia e Evolução passaram impecáveis. Destaque para a interação com o público do carro "Pit Stop" e o canto muito forte das alas "Velocista", "Bandeirada" e "Esportes".

Comente: