De questionado ao título, Gusttavo Clarão leva Viradouro ao Grupo Especial

 

 

Ele chegou a ser questionado como dirigente, mas uma coisa ninguém pode duvidar: Gusttavo Clarão marcou de vez seu nome na história da Unidos do Viradouro. De compositor campeoníssimo nas décadas passadas a dirigente que levou a Vermelho e Branco de volta ao Grupo Especial, ele já pode contar aos netos que contribuiu e muito para a gloriosa história da escola de Niterói.

Logo depois da confirmação da vitória na Série A com 299,9 pontos, cinco décimos de vantagem sobre a vice-campeã Estácio de Sá, Gusttavo não conteve a emoção e, em meio a cumprimentos de familiares, amigos e membros da escola, conversou com a reportagem do site CARNAVALESCO.

– Eu nem sei explicar o que estou sentindo. É uma emoção muito forte. Nunca pensei em ser presidente de escola de samba. Sempre quis ser músico e até larguei a medicina para seguir esse sonho. Como presidente de escola de samba eu sempre tive essa obsessão de ver a Viradouro fazer um grande desfile. Desde 2011 estávamos batendo na trave e dessa vez aconteceu. Podem ter certeza que iremos fazer um grande carnaval no Grupo Especial. Vamos mostrar que a Viradouro não poderia ter descido nunca e não descerá nunca mais – afirmou.

Além de um desfile praticamente perfeito tecnicamente, a Unidos do Viradouro conseguiu transmitir emoção ao público da Marquês de Sapucaí. Tanto que logo após a passagem das últimas alas pelos primeiros setores do Sambódromo os gritos de ''é campeã'' foram inevitáveis. Na visão de Gusttavo, o fato de a Viradouro falar sobre Niterói foi determinante para o comportamento ainda mais aguerrido do componente viradourense.

A ovação por parte da mídia e do público encheram o dirigente de confiança, mas ele garante que não estava tranquilo antes do início da apuração.

– Ganhamos muitos prêmios, foram sete, inclusive o do CARNAVALESCO (Estrela do Carnaval), então estávamos muito confiantes, sabíamos que éramos favoritos, mas também sabemos como é cabeça de jurado. Uma coisa que eu gosto muito como sambista é a interação da escola com a arquibancada. A Viradouro emocionou todo mundo e se não ganhássemos seria uma injustiça. Só tenho a agradecer a todos da comunidade, o pessoal da força, que veio empurrando no braço a última alegoria. É impressionante, a nossa escola é muito forte. Teve muita gente falando que fomos a melhor escola da Sapucaí em 2014.

Campeã do Grupo Especial em 1997, a Unidos do Viradouro ganhou pela segunda vez a divisão de acesso a elite do carnaval. Já havia vencido em 1990, com o enredo ''Só vale o que está escrito''.

Comente: