Delegado é novo presidente de honra da Mangueira

Um dos baluartes da Estação Primeira de Mangueira, Nelson Sargento, ganhou uma festa na quadra verde e rosa em comemoração ao seu aniversário. Na mesma ocasião, Mestre Delegado foi surpreendido com a notícia de que foi eleito ao novo Presidente de Honra da escola.Na festa estiveram presentes outros baluartes como Dona Gilda, Tia Zélia, Raymundo de Castro, Moacir, Waldir Marcelino, Maria Helena e Dona Léa. O presidente Ivo Meirelles, que também marcou presença na comemoração, deixou uma mensagem sobre o novo Presidente de Honra:

– A data era pra uma reunião com os baluartes e conselho superior, formado por ex-presidentes, e se tornou histórica. Além de comemorar o aniversário do 'Sargentão', também seria pra elegermos o próximo Presidente de Honra, do Gremio, cargo que era ocupado pelo já saudoso Roberto Paulino. Apesar de eu achar que muitos ali mereciam a homenagem, resolvi indicar o Mestre Delegado, por entender que este senhor, magricelo, foi o maior mestre-sala de todos os tempos, sempre com notas 10 e sempre à serviço da verde e rosa. Delegado é o símbolo da garra e paixão pela Mangueira. Está sempre na quadra, seja em qualquer evento e com qualquer presidente em exercício. Nem bem falei seu nome e todos me acompanharam, numa unanimidade que só este homem conseguiria. ! Hégio Laurindo da Silva, nascido na Mangueira, em 29 de dezembro de 1921, e apelidado carinhosamente de Delegado, fora por quase 40 anos o principal bailarino do carnaval carioca e agora se torna o Presidente de honra da Escola de samba de seu coração.

Ivo ainda lembrou que Hégio foi apelidado de "Delegado" porque "não podia ver um rabo de saia" que "prendia" e agradeceu ao baluarte por contribuir com a paixão dos mangueirenses.