Em clima de celebração, feijoada reúne sambistas que participam do carnaval de San Luis

A integração mundial entre sambistas que leva todo ano para a cidade de San Luís, na Argentina, foi comemorada na tarde deste domingo na quadra da União da Ilha. Uma suculenta feijoada e diversas atrações serviram para sambistas, organizadores, patrocinadores e imprensa festejarem a edição de 2015 do evento e iniciar a organização da edição de 2016.

Sempre três semanas após o carnaval, acontece a edição da folia na cidade argentina. Ano que vem as datas já confirmadas serão 26 e 27 de fevereiro. E o embarque das delegações se inicia já no dia 23.

A presidente da Amebras e uma das principais responsáveis pela parte artística dos desfiles, Célia Domingues, celebrou mais um ano de sucesso e anunciou novidades para a próxima edição. – Não posso deixar de agradecer à toda equipe que realiza esse projeto e o torna possível. Todo o pessoal da Ami7, Gangazumba, a Riotur. Ano que vem já temos os enredos definidos para os desfiles, um sobre os 450 anos do Rio e outro a respeito do Nordeste – adianta Célia.

Para o desenvolvimento dos enredos a equipe de carnavalescos conta com Júnior Pernambucano, do Império da Tijuca, Jorge Caribé, da Renascer de Jacarepaguá e Sandro Gomes. Além deles, as baterias da Beija-Flor de Nilópolis e da Acadêmicos do Grande Rio engrossam a lista de sambistas cariocas no carnaval de San Luís.

O diretor de operações da Riotur, Luis Gustavo Mostof, afirma ao CARNAVALESCO que o carnaval é um produto turístico valioso para o município do Rio de Janeiro. – Acima de tudo é uma forma de mostrar em uma cidade de outro país o know-how do carioca em promover a alegria, mas com a qualidade do maior espetáculo da terra. Do ponto de vista turístico é fundamental. A Riotur estará sempre ao lado de eventos que valorizem o Rio – ressaltou Mostof, que levou a corte real do carnaval para prestigiar o evento.

Em nome da produtora Gangazumba, a deputada federal Benedita da Silva ressaltou o papel social dos festejos em San Luís. – São muitas pessoas envolvidas que muita gente não vê. As oficinas que a Amebras realiza, e a possibilidade de que com um ganho financeiro, afinal é um compromisso profissional, os sambistas possam ter uma vida melhor. Isso tudo serve de comemoração neste momento também – enalteceu Benedita.

Uma das principais promotoras do Carnaval de San Luís, a Ami7, também parceira do site CARNAVALESCO, se fez representar no evento por todo o seu staff. Elias Riche afirmou que o carnaval de San Luís é uma revolução na história do samba. – Daqui uns anos poderemos contar para nossos filhos e netos, que tal qual os sambistas que correram da polícia no século passado, nós conseguimos levar o carnaval carioca para outro país. É motivo de orgulho para todos nós fazermos parte disso – afirmou.

Com a quadra da União da Ilha recheada de representantes de diversas escolas de samba do Grupo Especial e Série A, Célia Domingues anunciou também que Letícia Guimarães, rainha do carnaval cario em 2014, será uma das rainhas de bateria das escolas na edição 2016 do Carnaval de San Luís, junto de Viviane Araújo.