Em evento fechado, Inocentes apresenta protótipos a presidentes de ala

A Inocentes de Belford Roxo optou pelo mistério ao apresentar seus protótipos para o Carnaval 2016. Apenas os presidentes de ala da tricolor da baixada estiveram presentes no evento, ocorrido na última sexta-feira, 18. A agremiação trará 23 figurinos.  A escola apresenta no ano que vem o enredo "Cacá Diegues – retratos de um Brasil em cena".

A apresentação foi comandada pelo carnavalesco Márcio Puluker, que dividiu as fantasias por setores: No primeiro setor, "A vida no cinema, no segundo "Mulheres fascinantes em cena, no terceiro o "O orgulho da negritude em cartaz e no quarto e último  setor "O Brasil refletido na telona.

Márcio Puleker acredita que na Série A a assimilação da mensagem do enredo necessita ser imediata, uma vez que o tempo de desfile é mais curto que no Grupo Especial. – Procurei montar todo o vestuário de forma que dê uma leitura rápida e clara de toda a história que estamos contando deste homem dinâmico e fascinante chamado Cacá Diegues. O tempo de desfile é escasso e a mensagem que temos que passar para o público tem de estar bem explicada através do conjunto. Minha base principal foi a criatividade e a pesquisa elaborada com um pouco de luxo. Espero que o nosso resultado na Sapucaí seja de uma escola campeã – disse o carnavalesco, Márcio Puluker.

A festa contou com a presença da diretoria da escola, chefes de atelier, de vários segmentos da agremiação e do ex-presidente Rodrigo Gomes, que entusiasmados aplaudiam as criações que desfilavam no palco.

– Fiquei impressionado com a beleza e a criatividade das fantasias. Fica até difícil escolher uma para minha ala. O Puluker fez a parte dele. Vi fantasias do nível do Grupo Especial. Agora cabe a nós presidentes de ala cobrar a presença aos ensaios e o canto dos componentes – declarou o presidente da Ala Rei Mitas, Geilson Pereira.