Escolas de samba de São Paulo já sabem em qual dia desfilam em 2015

 

 

As 14 agremiações do Grupo Especial paulistano já têm dia de desfile definido. Em reunião realizada na noite desta quarta-feira, na sede da Liga das Escolas de Samba de São Paulo, ficou definido qual o dia que cada escola irá desfilar no Carnaval 2015.

Quatro escolas já sabiam, antes da reunião, o dia e a ordem que vão entrar na avenida no ano que vem. Por ter sido vice-campeã do Grupo de Acesso em 2014, a Mancha Verde abre os desfiles de sexta-feira, no Anhembi. Já a Nenê de Vila Matilde, décima segunda colocada no Grupo Especial desse ano, encerra a primeira noite de folia em São Paulo por determinação do regulamento. Atual campeã do Acesso, a Unidos de Vila Maria, abre os desfiles de sábado e a X-9 Paulistana, também por conta do regulamento, encerra o carnaval paulistano por ter sido a décima primeira colocada em 2014.

Outras nove agremiações vão participar do sorteio para definir suas posições de desfile, dentro dos dias estabelecidos. Por ter sido campeã no último carnaval, a Mocidade Alegre tem o direito de escolher a posição de desfile.

O sorteio da ordem dos desfiles do Grupo Especial de São Paulo acontece no dia 11 de junho.

Desfilam na sexta-feira

– Mancha Verde (1ª escola)
– Rosas de Ouro
– Águia de Ouro
– Acadêmicos do Tucuruvi
– Dragões da Real
– Tom Maior
– Nenê de Vila Matilde (7ª escola)

Desfilam no sábado

– Unidos de Vila Maria (1ª escola)
– Mocidade Alegre (tem o direito de escolher a posição)
– Acadêmicos do Tatuapé
– Império de Casa Verde
– Vai-Vai
– Gaviões da Fiel
– X-9 Paulistana (7ª escola)

 

Escolas de samba de São Paulo começam a definir os enredos para o Carnaval 2015

Seis escolas de samba do Grupo Especial de São Paulo já definiram seus enredos para o próximo ano. As recém-chegadas do Grupo de Acesso, Mancha Verde e Vila Maria foram as primeiras a divulgar seus temas e sinopses, ainda no começo de abril. Rosas de Ouro, Dragões da Real, Acadêmicos do Tatuapé e Tom Maior, também divulgaram seus temas.

Rosas de Ouro

Vice-campeã nos últimos três carnavais, a Rosas de Ouro aposta no encanto dos contos de fábula para soltar o grito de campeã, entalado na garganta. Com o enredo “Depois da tempestade… O encanto”, a azul e rosa da Zona Norte conta pelo oitavo ano seguido com o carnavalesco Jorge Freitas. Campeão em 2010 com a escola, Jorge promete levar para a avenida o faz de conta dos personagens e começar essa viagem falando da superação da escola, que em 2014, enfrentou uma tempestade enquanto se concentrava no Anhembi.

Dragões da Real

Há apenas três carnavais no Grupo Especial e já presente em duas oportunidades no desfile das campeãs, a Dragões da Real aposta em uma comissão de carnaval para 2015. Com o enredo “Acredite se puder!”, a escola tricolor conta com o reforço do carnavalesco Flávio Campello, campeão em 2009 na Mocidade Alegre, e que nos últimos carnavais assinou os desfiles da X-9 Paulistana. A Dragões promete viajar pelo inacreditável que habita o imaginário, a humanidade e o mundo virtual, na busca de seu primeiro título na elite do carnaval paulistano.

Acadêmicos do Tatuapé

Se em 2014 a devoção a São Jorge lhe rendeu a sexta colocação, em 2015 a Acadêmicos do Tatuapé aposta na riqueza do ouro para quem sabe conseguir seu primeiro título do Grupo Especial. Com o enredo "Ouro – Símbolo da riqueza e ambição", a academia da Zona Leste vai mostrar a história do ouro, sua importância na história da humanidade e a ambição de conquistar o carnaval, o "ouro" de uma escola de samba. Pelo quarto ano seguido, o carnavalesco responsável pelo desenvolvimento do enredo será Mauro Xuxa.

Tom Maior

No último carnaval, um problema com o abre-alas fez com que a escola ficasse cerca de dez minutos na concentração. E foi no momento em que a adrenalina tomava conta dos integrantes da Tom Maior, que o carnavalesco Mauro Quintaes se inspirou para desenvolver o enredo do próximo desfile. "Adrenalina" promete levar para a avenida os momentos de nossas vidas aos quais nos deparamos com essa sensação. A vermelho e amarelo do Sumaré, vai levar para o Anhembi a adrenalina do primeiro beijo, do medo, das torcidas de futebol nas arquibancas e claro, do carnaval, seja na concentração antes do desfile ou na hora da apuração. Assim como a Tatuapé, a escola também vai em busca de seu primeiro campeonato em 2015.

Unidos de Vila Maria

A Unidos de Vila Maria, campeã do Grupo de Acesso em 2014, e que abre os desfiles de sábado no Sambódromo do Anhembi, vai levar a história do diamante para a avenida. Em sua sinopse, a escola afirma que esta será uma continuidade da comemoração de seus sessenta anos, idade a qual se celebram as bodas de diamantes. O enredo é de responsabilidade do carnavalesco Lucas Pinto, que em 2000 foi campeão do carnaval com a X-9 Paulistana, e que desde o ano passado assina os desfiles da Vila Maria.

Mancha Verde

A Mancha Verde, que estará de volta à elite do carnaval paulistano no ano que vem, foi a primeira agremiação a divulgar seu tema. "Quando surge o Alviverde Imponente… 100 anos de lutas e glórias" promete encerrar as comemorações do centenário do Palmeiras. A história do clube, inspiração para a fundação da torcida organizada que em 1995 entrou no mundo do carnaval, será desenvolvido pelo quarto ano seguido pelo carnavalesco Troy Orh. A escola é a mais adiantada do Grupo Especial no calendário do carnaval e os sambas serão entregues no próximo dia 15. A obra será definida no dia 30 de maio.

Grupo de Acesso

No Grupo de Acesso, apenas duas escolas de samba já divulgaram o enredo para o carnaval do ano que vem. A Leandro de Itaquera, que foi rebaixada do Grupo Especial em 2014, vai contar a história de Nelson Mandela no Anhembi. A escola conta mais uma vez com o carnavalesco Marco Aurélio Ruffin, que ainda não divulgou o título do tema. Outra agremiação do acesso que já definiu seu enredo foi a Morro da Casa Verde. A verde e rosa da Zona Norte vai para a avenida com o enredo "Entre Plumas e Paetês", sobre a moda. O desfile de 2015 marca a estreia do carnavalesco Nilson Lourenço, que até o último carnaval era aderecista da agremiação.

Comente: