Escultor morre no barracão e São Clemente promete apoio para família

clemente2

O mundo do samba chora nesta quinta mais uma morte. No início desta noite morreu eletrocutado no barracão da São Clemente o jovem Igor Sergio da Silva de Farias, de apenas 21 anos. O escultor de alegorias trabalhava em uma alegoria no momento que tomou um choque fulminante.

A São Clemente divulgou uma nota oficial lamentando o falecimento do funcionário e também decretou luto oficial de três dias. Com isso a semifinal de samba-enredo, que aconteceria neste sábado está cancelada. A reportagem do CARNAVALESCO entrou em contato com o presidente Renato de Almeida Gomes, o Renatinho. Bastante abalado ele se limitou a informar que todo o apoio à família será dado. Renatinho já prestou depoimento sobre a tragédia.

Leia a nota oficial divulgada pela São Clemente:

“É com profundo pesar que a direção do GRES São Clemente comunica o falecimento de Igor Sérgio da Silva de Farias, de 21 anos, escultor de alegorias e que fazia parte da equipe de poliescultura coordenada por Flavinho Escultor, no barracão da agremiação na tarde do dia 31 de agosto de 2017.

O presidente Renato Almeida Gomes e o GRES São Clemente darão toda a assistência necessária à família de Igor Sérgio, além de decretar luto oficial de três dias na agremiação.

Informamos o cancelamento da semifinal de samba-enredo que seria realizada no sábado, 02 de setembro, na quadra da agremiação, transferindo o evento para a próxima terça feira, 05 de setembro de 2017.”