Ideia original para o enredo da Unidos da Tijuca era sobre uma visão mais ampla da história americana

0 Flares 0 Flares ×

tijuca_final2017_1510-337-copy

Em entrevista ao CARNAVALESCO, Marcus Paulo, integrante da comissão de carnaval da Unidos da Tijuca, revelou que a ideia original do enredo para 2017 não é a mesma que acabou se tornando, de fato, o tema do próximo desfile tijucano.

– A primeira ideia surgiu do Departamento de Marketing da Tijuca, que trouxe de uma parceria com o consulado americano, mas era para falar sobre o país como um todo. Então, logo depois, pensamos no fator música, que nos Estados Unidos transcende, supera qualquer outra discussão e influencia muita gente aqui no Brasil e, aí sim, achamos ser algo interessante pra virar o enredo do nosso desfile.

Departamento de carnaval fala sobre preparação para 2017

Hélcio Paim, um dos componentes da comissão de carnaval da Tijuca, revelou que o grupo participou ativamente da disputa de samba. – Nosso departamento de carnaval participou da elaboração dos sambas. Palpitamos bastante visando uma disputa cada vez melhor e, felizmente, alcançamos esse objetivo – disse.

Annik Salmon comentou o peso que os décimos perdidos no carnaval passado tiveram no planejamento do próximo desfile.

– Depois que analisamos as justificativas, a gente prefere usar como exemplo para não errarmos novamente, apesar de, na minha concepção não ter havido erro, mas é bom sabermos o que faz o jurado tirar pontos da escola pra que, com isso, possamos fazer um desfile que agrade tanto o público quanto quem nos dá a nota.

Segundo Mauro Quintaes, o andamento dos trabalhos de preparação para o desfile de 2017 está – como de costume – bem encaminhado. – A Tijuca sempre conclui seu trabalho com antecedência e, dessa fez, não será diferente. O prazo máximo é para que tudo esteja concluído até 15 dias antes do carnaval e nós vamos cumpri-lo.

Tijuca vai doar 100% das suas fantasias

Diretor de Carnaval e Harmonia da escola do morro do Borel, Fernando Costa responsável pela engrenagem de sucesso que fez a escola disputar títulos nos últimos anos, garantiu ao site CARNAVALESCO que o enredo “Musica na Alma” não é patrocinado.

– A única coisa que mudará de 2016 para 2017 são as estratégias em decorrência da redução do tempo de desfile e de posição de cabines, de resto tudo se mantém igual, não mexemos na equipe. Manteremos os aproximadamente 3.500 componentes, com 100% de comunidade e todas as fantasias doadas. O enredo chegou para nós através do nosso departamento de marketing com o consulado americano, porém não há patrocínio. Esperamos que venha a ter, estamos tentando capitar, no Carnaval 2016 não conseguimos. Iniciaremos os ensaios de rua a partir da primeira quinta-feira de dezembro.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×