Império da Tijuca vive expectativa de nova safra forte de sambas

 

 

O Império da Tijuca tem tido um "problema" que toda escola gostaria de ter em suas eliminatórias de samba nos últimos anos. A quantidade de obras com totais condições de representar a escola na avenida. Na noite desta segunda houve a leitura da sinopse do enredo "O Império nas água doces de Oxum", mais uma temática afro a ser contada pela escola. O presidente Antônio Marcos Telles, o Tê, desejou inspiração aos compositores e deixou claro que vencerá o samba que for melhor pra escola. – Aqui vence o melhor samba, sempre friso isso no lançamento da sinopse, disse Tê.

O Império da Tijuca vem apresentando enredos de temática afro nos últimos anos, e agora optou por abordar Oxum, considerada a mãe da escola, representada por Nossa Senhora da Conceição, padroeira da agremiação. Em conversa com o CARNAVALESCO, Júnior Pernambucano disse que o compositor precisa ter liberdade para expressar sua arte. – A única coisa que pedimos, óbvio, é estar adequado ao enredo, com uma letra poética e boa melodia. Assim se faz um grande samba, afirmou o carnavalesco.

Para Marcos Roza, pesquisador da escola e autor da sinopse, esse é o seu melhor trabalho no carnaval. – Pra mim foi um presente divino falar de Oxum. Tive dificuldade porque existe muita coisa sobre Oxum. Busquei vasta biografia, e optei por sair de teses acadêmicas. O livro 'Oxum, mãe da agua doce' me deu esse norte para buscar a veracidade do tema, explicou Roza ao CARNAVALESCO.

Após a leitura da sinopse pelo próprio Marcos Roza, os compositores presentes puderam conhecer as datas oficiais de cada fase das eliminatórias, até o final. Confira abaixo o calendário definido pela verde e branco:

Primeiro tira-dúvidas com o carnavalesco: 18/05
Segundo tira-dúvidas com o carnavalesco: 01/06
Entrega dos sambas: 06/07
Apresentação dos sambas concorrentes: 20/07
Início das eliminatórias: 27/07

Comente: