Império Serrano homenageia Wilson das Neves com roda de samba acústica

Um dos bateristas mais atuantes da música brasileira, Wilson Das Neves já acompanhou muitos dos grandes nomes da música brasileira. Carioca, tocou em conjuntos e orquestras que animavam as gafieiras e todo tipo de bailes nas noites do Rio dos anos cinquenta. Na década seguinte passou pela Rádio Nacional e integrou a Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, abandonando-a tempos depois, por preferir tocar música popular: o samba, sendo figura importante no Império Serrano.

O compositor e benemérito da escola, será o homenageado deste mês na “Resenha Imperial”, que acontece no domingo, a partir das 14 horas, na quadra do Glorioso, com entrada gratuita. Wilson vai conversar sobre sua trajetória e sobre a história do Império Serrano. A tarde conta ainda com a participação especial do Samba na Serrinha e do cantor Rogê.

A “Resenha Imperial” busca a conservação e preservação da sagrada história da verde e branco de Madureira. O evento, organizado pelo Departamento Cultural e o Departamento Social, em parceria com o grupo Museu Virtual, acontece uma vez por mês, no Templo do Samba, a quadra do Império Serrano. A Resenha envolve samba, memória cultural, “cinema”, história e tem como objetivo manter as tradições Imperianas.

A tarde começa com uma roda de samba tradicional e acústica entoando sambas consagrados de Silas de Oliveira, Mano Décio da Viola, e outros grandes sambistas do Império Serrano e do mundo do samba.

Além do resgate a cultura e história, o objetivo do evento é reunir imperianos de fé, componentes da escola, parentes de fundadores, amigos de outras escolas e do mundo do samba, pessoas interessadas em todo maravilhoso mundo encantador do carnaval, do Império Serrano, toda sua história e raiz.

Campeão por nove vezes no Grupo Especial, o Império Serrano é considerado uma das mais tradicionais escolas de samba da cidade. Sua história se confunde com a história da comunidade da Serrinha.

Serviço:

Resenha Imperial

Local: Quadra GRES Império Serrano – Rua Ministro Edgar Romero, 114.

Quando: Domingo – 11 de outubro

Horário: 14 horas

Entrada Franca