Jorge Mendes: ‘Os ensaios do fim de semana’

 

 

PORTO DA PEDRA

 

Desfile com grande volume técnico e de componentes, complementando com o momento mágico e emocionante da noite: apresentação dos casais de mestres sala e porta-bandeiras. Nego declinar nomes, evitando que algum, que tanto cooperou por aquele mágico, seja esquecido.

 

Pontos positivos:

– evolução, canto e alinhamento a ala das baianas

– passistas com vários desenhos coreográficos e samba no pé

– o canto da 1ª ala e a energia do passista Luís Fernando e da componente Cátia Regina da ala Guerra do Tigre

 

Pontos a melhorar:

– alguns componentes desfilando conectado nas redes sociais

 

Cena da noite: Selminha Sorriso, apresentadora do 1º casal, perdendo a sandália ainda na 1ª cabine, continuou em sua função, descalça, mas na ponta do pé durante o resto do percurso, sem, em momento algum, perder a majestade.

 

SANTA CRUZ
 

Embora sem obter sucesso, a grande maioria dos componentes buscava ou caçava a letra do samba na concentração. Não considero uma situação negativa, pois demonstra a vontade do componente em aprendê-la. Só que por não obter sucesso, grande maioria das alas não cantava, além de desconhecer com que fantasia irão desfilar. 

 

Pontos positivos:
– canto e energia da ala imigrante italiano e dos bandeirantes

– ala de passistas

–  animação da componente Aline Bárbara e Maurício da ala borboleta

 

Pontos a melhorar:

– o 1º casal de m sala e p bandeira não brindou o público próximo  à 1ª cabine de jurados, com sua dança. (Pensamos , erroneamente, que o casal esperava a virada do samba)

– Harmonia entrar no meio da ala Boca Miúda

– Harmonia deixando a ala à frente da bateria se distanciar em demasia

RENASCER

Canto e animação permearam grande parte de seu alegre desfie , cujo enredo retrata o cartunista Lan.

Pontos positivos:

 

– A simpática e coordenada comissão de frente formada por gordinhas

– Alegria e animação do Oswaldo (tubarão) da ala dos peixes, Robson da ala dos malandros e Rose da ala 18.

 

Pontos a melhorar:

– componentes batendo papo e tirando fotos durante o desfile.

 

ROCINHA

 

Foi ótimo ver como a escola “comprou” a alegria e irreverência do enredo Barra da Tijuca.

 

Pontos positivos:

– Mesmo sem mostrar 100% do desfile oficial, a alegre e brincalhona comissão de frente

– o canto das alas Andorinhas, Surfista e Rock no samba, além da velha guarda

– alegria e canto da Beth (ala 9) e Daniel (ala 7)

 

Pontos a melhorar:

– a falta de alegria (sérios demais) do casal de mestre-sala e porta-bandeira

– Ala 17 com mais 20 componentes por fila, coisa impossível de acontecer no desfile, por prejudicar ou impossibilitar a evolução

 

ESTÁCIO DE SÁ

Mesmo não sendo foco da minha observação e análise, não tenho como ignorar o momento retumbante da noite que foi a apresentação da bateria, elemento esse que acaba por influenciar todos os demais segmentos da escola.

Pontos positivos:

– comissão de frente bem ensaiada com diversos desenhos coreográficos baseados na letra do samba

– dança do casal do mestre-sala e porta-bandeira

– canto da ala dos piratas, do comércio e da revolta da chibata

– Canto e energia dos componentes Alex (ala 2) e Ana (ala 15)

 

Pontos a melhorar:

– harmonia não segurar a comissão de frente no momento da apresentação do casal de mestre-sala e porta-bandeira

– falta de canto da ala coreografada (candomblé)

 

IMPÉRIO SERRANO

 

Desfile pautado no excelente canto pela quase totalidade das alas, cantando o samba baseado no enredo de Angra dos Reis, ressaltando também o volume técnico e de componentes.

 

Pontos positivos:

 

– apresentação impecável do casal de mestre-sala e porta-bandeira

 

– A sensacional ala de passistas muito bem vestida com muito samba no pé e alegria

 

– canto da alas 4,  Quilombo de Sta Rita, do Aqueduto e das Bromélias

– Alegria e animação do Renan da ala da Juventude e da Sonia componente da Velha Guarda

 

Pontos a melhorar:

– Componente da comissão de frente conversar durante a apresentação perante a cabine de jurado

– Alguns componentes confundindo animação com balbúrdia, mexendo com pessoas da plateia.
 

Comente: