Luxuoso e destemido, Império Serrano apresenta figurinos e mostra credenciais ao título

O Império Serrano mostrou na noite desta sexta em sua quadra que a briga da escola no Carnaval 2016 definitivamente é pelo sonhado título. Sem medo de ser feliz, a verde e branco apresentou seus protótipos para a comunidade e imprensa e não vetou qualquer tipo de imagem ou vídeo, demonstrando sua tradicional veia democrática.

* VEJA GALERIA DE FOTOS DAS FANTASIAS

As fantasias apresentadas impressionam pela riqueza de detalhes, aliada a uma facilidade de assimilação da ideia proposta pelo carnavalesco Severo Luzardo. Alguns figurinos arrancaram aplausos da comunidade presente à quadra. Destaque para a ala 03, "Festa para o rei Banto", ala 11, "Festa de Xangô", as baianas, numa representação do Prazer da Serrinha e a bateria, que vai vir trajada do próprio Império Serrano.

* OUÇA AQUI O SAMBA DO IMPÉRIO SERRANO PARA 2016

A julgar pelos protótipos demonstrados na quadra na noite desta sexta o Império Serrano vai cumprir o intento de emocionar a Marquês de Sapucaí. Os figurinos desfilaram ao som do samba oficial de 2016, com direito à presença de Arlindo Cruz, um dos compositores da obra vencedora.

OUÇA AQUI OS SAMBAS CONCORRENTES PARA O CARNAVAL 2016

'Não se perde luxousidade com materiais alternativos', dispara Severo Luzardo

O carnavalesco do Império Serrano, Severo Luzardo explicou à nossa equipe como se desenvolveu seu trabalho de criação através do enredo "Silas, canta Serrinha" – São fantasias em cima de um enredo rico. É a Serrinha mostrando para o Brasil como é sua cultura, manifestações e forma de vida. Retratamos desde o jongo, herança africana, até os dias de hoje, com o baile charme. Uma transição com dois séculos de história, retrato da herança imperiana. As nossas fantasias demonstram a trajetória e tradição do Império Serrano – resumiu Severo ao CARNAVALESCO.

No enredo o compositor Silas de Oliveira vai contar e cantar a história da Serrinha e da própria verde e branco pelo viés de suas canções. Severo explicita que um trabalho de figurinos com materiais alternativos não necessariamente significa fantasias de pouco luxo. – O trabalho de fantasias tem uma pegada criativa, mas também possui um requinte pois o enredo pede. É possível trabalhar com materiais alternativos sem perder o luxo, sabendo usar adequadamente cada materia disponível – esclareceu Severo.

Com um enredo de raízes imperianas o público poderá visulalizar fantasias adequadas ao tradicional verde e branco do Império Serrano. – Meus carnavais respeitam a cor da escola. É minha forma de trabalhar. Dependendo do assunto, há um convite de outras cores. Mas em uma visão ampla da avenida o público verá uma escola verde e branca predominantemente – finalizou.

Confira ala a ala o nome das fantasias do Império Serrano para o Carnaval 2016:

Ala 01 – Bantos de Nação Kongo, Angola e Moçambique
Ala 02 – Ritos e danças dos Bantos
Ala 03 – Festa para Rei Banto
Ala 04 – Jongo dos Bantos
Ala 05 – Amas de leite, sábias rezadeiras
Ala 06 – Vendedores ambulantes
Ala 07 – Chegada da Maria Fumaça
Ala 08 – Blocos de rua: amigos e o "povo de origem"
Ala 10 – Banquete de São Lázaro
Ala 11 – Festa Xangô
Ala 12 – Bailes de Calango
Ala 13 – Passistas: Alvorada Festiva
Ala 15 – Pastorinhas de Natal
Ala 16 – Compositores: Partido Alto
Ala 17 – Folias de São João
Ala 18 – Sente o Drama
Ala 19 – Procissão de São Jorge
Ala 20 – Bom bonito e barato
Ala 21 – Crianças: Baleiro Bala
Ala 22 – Baile Charme
Ala 23 – Serrinha é Cultura
Ala 09 – Baianas: "Prazer da Serrinha"
Bateria – Império Serrano