‘Maior músico do mundo’ visita Portela e impressiona comunidade portelense

Era para ser mais um corriqueiro ensaio na quadra da Portela, na preparação rumo ao Carnaval 2016. Entretanto, a azul e branco viveu na noite desta quarta mais um momento especial com uma ilustre presença. O músico e percussionista Paulinho da Costa esteve na quadra ao lado do amigo Seu Jorge e deu um show de simpatia e talento, deixando embasbacados os portelenses que participaram do ensaio.

* Confira a galeria de fotos da noite

* Vídeos: a impressionante performance de Paulinho da Costa

Paulinho toca mais de 200 instrumentos e possui trabalhos no cenário internacional. Morador de Los Angeles, ele está no Brasil, pois participou da gravação do Especial de Fim de Ano do cantor Roberto Carlos. O músico iniciou sua trajetória como percussionista da Portela e conversou com a reportagem do CARNAVALESCO. – Cheguei na Portela há muitos anos, pelas mãos do Seu Natal. Iniciei tocando pandeiro na bateria. Foi aqui que dei meus primeiros passos e levo o nome da escola onde passo. O hino da escola me cativa até hoje – revela.

O vice-presidente Marcos Falcon revelou que Roberto Carlos nomeia Paulinho como o maior músico do planeta. – Foi dessa forma que o Rei o chamou na gravação de seu especial. É uma honra para a Portela receber aqui em nossa quadra uma figura desta envergadura. Estamos todos impressionados com tamanho talento – disparou o dirigente.

Paulinho fez uma rápida apresentação no palco onde tocou diversos instrumentos de percussão e uma bateria. Ainda chocados com tamanha performance, os portelenses foram brindados com a atuação do músico junto da bateria Tabajara do Samba. Lá, ele tocou agogô e repique. O mestre de bateria, Nilo Sérgio, não se conteve e voltou aos tempos de ritmista, acompanhando o convidado. – Qualquer percussionista é fã do Paulinho – declarou o mestre de bateria da Portela.

Seu Jorge: 'Paulinho faz um trabalho de referência'

Cria portelense, Paulinho da Costa construiu uma sólida carreira internacional. Participou de vários álbuns premiados pelo Grammy, como “Thriller”, de Michael Jackson, “True Blue”, de Madonna, e “Let´s talk about Love”, de Celine Dion. Também emprestou seu talento para canções que integraram trilhas sonoras de filmes, como “Os embalos de sábado à noite”, “Purple rain” e “Jurassic Park”. Paulinho foi o único brasileiro a participar da da gravação, em 1985, de “We are the world”,  composição de Michael Jackson e Lionel Richie, que reuniu as principais estrelas do pop mundial, em uma campanha de combate à fome na África.

Por esta trajetória é admirado por nomes de peso da música. Um deles é Seu Jorge. O cantor que vem construindo também uma carreira fora do país e é um dos mais renomados do Brasil. Amigo pessoal de Paulinho, Seu Jorge falou ao CARNAVALESCO da admiração pelo trabalho do colega. – É um trabalho de referência, pois influenciou o uso da percussão em muita gente ao redor do mundo. A percussão cubana tem muito do traço do Paulinho – opinou Seu Jorge, que recebeu o convite de Marcos Falcon para participar da feijoada da Família Portelense.