Morre Delegado, presidente de honra da Mangueira e o maior mestre-sala do carnaval carioca

Morreu na manhã desta segunda-feira, Hégio Laurindo da Silva, o Delegado, aos 90 anos de idade, presidente de honra da Estação Primeira de Mangueira, e o maior mestre-sala da história do carnaval carioca. No dia 29 de dezembro, Delegado ia completar 91 anos. O sambista estava com câncer na próstata e internado em um hospital em Duque de Caxias. A informação da morte de Delegado foi confirmada pelo presidente da Verde e Rosa, Ivo Meirelles, em sua página no Facebook. "Lamento, profundamente, informar que acaba de falecer o maior mestre-salasde todos os tempos e nosso presidente de honra, MESTRE DELEGADO!".

Comente: