Porta-bandeira da Vila Isabel fala da emoção de desfilar

 

Ruth Alves e Júlio , 1ª casal de porta-bandeira e mestre-sala da Vila Isabel, declaram o seu amor à escola e se emocionam ao avaliar o desfile feito nessa madrugada de segunda-feira, dia 20, na primeira noite dos desfiles das escolas do Grupo Especial.

– Danço por amor. Isso aqui é um sonho realizado. Muitos falam daqui como responsabilidade, mas isso é o meu sonho realizado. Carrego um pavilão que representa milhares de pessoas. – declara Ruth, que prossegue falando do novo sambódromo – Desfile foi perfeito e não tive problema algum. Já reclamaram do chão, mas não achei nada demais, ao contrário, eu agradeço ao prefeito do Rio por esse presente que ele nos deu.

O mestre-sala Julio também esteve emocionado e agradeceu a  Ruth, sua família e esposa, por sua performance e faz coro com a sua parceira sobre o desfile:
– Espero que tenham compreendido a nossa proposta.  Sem dúvida, esse foi o desfile amis emocionante da minha vida, e na verdade, acho que foi da escola inteira. A vila é uma escola de garra. – garante.

Ruth também acha que o desfile desse ano veio para arrebentar:

– Senti muita energia positiva, a magia desse samba e enredo me lembra Kizomba, de 88, que permitiu o componente brincar o carnaval. Isso aqui não é quartel, é feito para fazer sonhos e realiza o que não se faz o ano todo – finaliza a porta-bandeira.