Thiago Diogo começa ensaio de bateria e diz que o desafio é maior no Grupo de Acesso

 

 

Já pensando no trabalho que mostrará na Marquês de Sapucaí no próximo carnaval, Thiago Diogo, mestre de bateria da Porto da Pedra, começará nesta quarta-feira, a partir das 20h, os ensaios da Ritmo Feroz, no Espaço Cultural Porto da Pedra, que fica na Rua João Silva, 84, no bairro do Porto da Pedra, em São Gonçalo.

 
– São ensaios de base que vamos fazer com os ritmistas, apesar do enredo e o samba ainda não terem sido escolhidos, não podemos parar. O Tigre está ferido e a Ritmo Feroz nos últimos anos vinha sendo as melhores notas da escola no Grupo Especial. Temos que mais ainda nos preparar para ajudar a escola a voltar para o lugar de onde nunca deveria ter saído – disse o mestre.
 
Mesmo com propostas de outras agremiações e com a Vermelho e Branco de São Gonçalo no Grupo de Acesso do carnaval carioca, o mestre de bateria preferiu continuar o trabalho que vem fazendo há quatros anos na agremiação e encarar como um desafio essa nova fase da Porto da Pedra.
 
– A qualidade não pode cair. A cobrança é muito grande e a responsabilidade vai ser até maior. A expectativa em torno da escola, que veio de um longo período no Especial, vai ser muito grande. A nossa bateria já montou um projeto de ter 300 ritmistas no desfile oficial. Vai ser um desafio, pois estávamos acostumados com outra estrutura, mas somos uma família e os ritmistas tocarão com o mesmo prazer de antes.

Comente: