União de Maricá, Boca de Siri e Unidos de Lucas celebram acesso à Série B em 2019

Por Diogo Cesar Sampaio

lucasTrazendo o enredo “100sacional! Um maxético e rebolativo baile”, a União de Maricá foi a campeã da Série C com 269 pontos. Com o resultado, a escola desfilará na Série B ano que vem. Sobre a vitória, o presidente Mauro Alemão falou se tratar da vitória do samba.

– É uma sensação de vitória, é uma sensação de que o samba venceu. Apesar de tudo, nós não podemos nunca negar o nosso compromisso e a nossa responsabilidade com o samba. O grande vencedor do carnaval desse ano foi o samba. Com todos os problemas, que todas as agremiações tiveram, e nós conseguimos provar para todos aqueles que realmente não acreditam, que o samba está acima de qualquer coisa. Eles vem de quatro em quatro anos, mas o samba fica no coração de todo sambista – ressaltou o presidente.

Em segundo lugar, a Boca de Siri conquistou 268,9 pontos. A agremiação fará sua estreia na Série B. O presidente Edivaldo Oliveira, o Varão, comentou o resultado da escola.

– A sensação é de muita garra, muita luta, comunidade em peso. Eu dedico esse resultado aos diretores que estão comigo, que me abraçaram, que não me viraram as costas. Agora é trabalhar para 2019, para fazer um bom carnaval e a gente chegar na Sapucaí – garantiu o presidente.

A tradicional Unidos de Lucas apresentou esse ano o enredo “O Galo Arretado Canta o Nordeste, o Xodó do Brasil!” e obteve 267,7 na apuração. Ficando com a terceira colocação, a escola irá retornar a Série B em 2019, mas já sonha vôos maiores segundo o diretor de carnaval, Maurício Dias.

– A gente está tirando um peso das nossas costas. Ano passado a escola ficou em quarto lugar, batemos na trave, foi um ano de muito sacrifício, muita dificuldade, mas graças a Deus, com a força da comunidade e da nossa diretoria, a gente conseguiu colocar Lucas de volta no B, passo a passo para gente voltar para aonde a gente nunca deveria ter saído, que é a Marquês de Sapucaí – falou o diretor de carnaval.