Unidos da Tijuca encerra parceria de 7 anos com casal da Comissão de Frente

 

 

Foram sete carnavais e alguns momentos históricos que vão ficar para sempre na memória dos desfiles de escola de samba. Mas o casamento entre Unidos da Tijuca e o casal de coreógrafos Priscilla Motta e Rodrigo Negri chegou ao fim. Em entrevista ao CARNAVALESCO a bailarina confirmou a saída e agradeceu o apoio dos tijucanos nessa quase uma década de parceria. – A gente é muito grato ao Horta e à família tijucana. Toda a equipe que fez trabalhos maravilhosos com a gente. Mas era hora de buscar um novo desafio, disse Priscilla.

Momento mais aguardado dos desfiles desde 2010, quando enlouqueceram a avenida com a comissão de frente do enredo "É Segredo", as apresentações aconteciam em vários lugares pelo mundo afora no período fora do carnaval. Prsicilla ponderou que ainda é cedo para definir qual o futuro dos dois. – Recebemos propostas de algumas escolas, mas vamos analisar tudo com muita calma. Precisamos conciliar também com nossos outros projetos profissionais, disse a bailarina. Uma dessas sondagens teria sido da Grande Rio, que perdeu sua dupla de coreógrafos para a Mocidade.

Em 2014 a comissão de frente da Unidos da Tijuca novamente causou espanto no público ao levar para a Marquês de Sapucaí uma réplica quase idêntica do McLaren guiado por Ayrton Senna, o homenageado da escola. Apesar de conseguir garantir os 30 pontos, a apresentação tirou uma nota 9,8, descartada. A Unidos da Tijuca conquistou seu terceiro título em cinco anos no Carnaval 2014.

Comente: