Unidos de Padre Miguel mostra em ensaio que está pronta para o desfile

Por Luis Felipe Aragão. Fotos: Allan Duffes

upm_ensaio_2018_105Lugar histórico para os sambistas da Zona Oeste, a Praça da Guilherme da Silveira costumeiramente recebe os ensaios de rua da Mocidade Independente de Padre Miguel, mas nesse domingo quem esteve presente viu o local ser tingido de vermelho. A Unidos de Padre Miguel realizou seu penúltimo ensaio de rua buscando o tão sonhado título da Série A e a vaga no Grupo Especial. Destaque para o canto de toda escola e para ala “Show tribos da Vila Vintém”.

Harmonia

Impressionou o canto da Unidos de Padre Miguel. Forte e digno do samba da agremiação para o Carnaval 2018. Todas as alas cantaram muito, inclusive, baianas que todas de vermelho esbanjavam o de defender as cores da Unidos. A “Show tribos da Vila Vintém”, coreografada, tinha os integranres todos de branco e com cocar iguais. Eles interagiam com o destaque de chão que vinha à frente da ala.

Mestre-Sala e Porta-Bandeira

upm_ensaio_2018_026Em extrema sintonia, o casal Vinícius Anteunes e Jéssica Ferreira fez uma apresentação segura. A todo momento o mestre-sala cortejava a porta-bandeira, o contato visual é o ponto forte do casal. Ambos com roupas nas cores da escola, ele com terno vermelho, camisa e chapéu branco e ela com uma roupa toda de vermelho com detalhes dourados. A dupla aproveitou para destacar a importância de realizar um ensaio na Guilherme da Silveira.

– A Guilherme da Silveira tem uma importância muito grande para os bambas de Padre Miguel. É muito boa a nível técnico. A escola pode ver andamento, tempo de desfile, a comissão de frente pode ajustar as marcações as cabines de jurados. O espaço aqui é muito bom – disse o mestre-sala.

Para Jessica, o ensaio tinha como objetivo unir os bambas da Zona Oeste.

– Aqui é bom para mostrar a Unidos de Padre Miguel para os moradores daqui. Nós ensaiamos muito no Ponto Chic. Hoje, nós juntamos o povo. Esse ensaio é muito importante para unir mais a região – conta a porta-bandeira.

upm_ensaio_2018_016Samba-Enredo

Uma obra para um escola que quer ser campeã. A comunidade da Vintém entendeu dessa forma e abraçou o samba que é cantando durante todo o ensaio. Os refrões são os pontos altos e as alas explodem para gritar “Pro boi vermelho de Padre Miguel”. O intérprete Pixulé comanda o carro de som com maestria e avisa que a Unidos, no entendimento dele, está pronta para o carnaval 2018.

– Se o desfile fosse amanhã a escola já poderia desfilar. Não digo nem que é sonhar com o acesso ao Grupo Especial. Eu acredito, a escola acredita e a comunidade acredita – afirma o intérprete.

Bateria

upm_ensaio_2018_095Abusando das paradinhas nos refrões, a bateria manteve a cadência do samba durante todo o ensaio. A frente da bateria Guerreiros da Unidos reinava a Alice Alves, que estava fantasiada de Índia. Mestre Dinho analisou o ensaio.

– Foi perfeito, como sempre. Estamos prontos para o carnaval. Em todos os sentidos. Ritmo, fantasia, instrumentos – informou.

Evolução

Se existe um ponto que a escola ainda precisa melhorar para alcançar a perfeição esse é a evolução. A escola está compacta, bem organizada, mas as alas enfileiradas não deixam o componente a vontade para brincar o carnaval. A preocupação de não cometer nenhum erro tirou a espontaneidade. Para Cícero, diretor de carnaval, o ensaio foi justamente para ajustar o que está faltando na escola e corrigir possíveis erros.

upm_ensaio_2018_093

– O ensaio de hoje foi teve um peso dois. A largura da rua nos ajuda com a formação lá na Sapucaí. O ensaio foi bom, ainda falta acertar algumas coisas, mas esse ensaio foi pra isso, ver os erros e acertar até o dia do desfile. A Unidos de Padre Miguel está 90%, esses 10% vamos ajustar até o dia oficial – prometeu Cicero.