Viradouro apoia nova diretoria da Lesga

 

 

Presidente de uma das escolas que mais se sentiram prejudicadas com o resultado do Grupo de Acesso A no Carnaval 2012, Gusttavo Clarão, comandante da Unidos do Viradouro, revelou que a postura da escola será a de dar força ao novo presidente da Lesga, Déo Pessoa. Gusttavo, inclusive, foi convidado pelo próprio Déo para assumir a presidência do Conselho Fiscal da entidade.


– Continuar do jeito que estava é que não poderia. Tinha que ser montada uma nova diretoria, com novas pessoas e um presidente que não estivesse comandando nenhuma escola de samba. O Déo Pessoa é um cara sério, íntegro, conversou pessoalmente comigo e resolvi dar esse voto de confiança. De acordo com ele, será um trabalho bem transparente, todos vão participar das decisões, inclusive as escolas que não são fundadoras. Pelo que sei o Déo irá deixar a presidência da Rocinha e eu aceitei sim o convite para presidir o Conselho Fiscal da Lesga.


Sobre possíveis mudanças na Viradouro, Gusttavo revelou que, exceto no cargo de carnavalesco, não acontecerão. A vontade do dirigente é manter todos os profissionais que estiveram na escola no último carnaval. Segundo ele, o julgamento do Grupo de Acesso foi tão fraco que não possibilitou uma análise dos dirigentes em cima dos profissionais julgados.


– Desde que voltei de férias comecei a ter reuniões para definir a questão do enredo. Tenho temas patrocinados e autorais em pauta e ainda não sentei com um carnavalesco para conversar. Infelizmente as notas deste ano não me dizem. Era tanta gente que não entendia nada que não vale nem a pena ver as justificativas. 

Comente: