Wilson fatura tri de Rei Momo. Clara Paixão vence pela 2ª vez como Rainha do Carnaval

O carnaval carioca conheceu na noite desta sexta-feira, na Cidade do Samba, os novos integrantes da Corte Real do Carnaval de 2015, em evento realizado pela Riotur, e com a apresentação de Jorge Perligeiro. A Fábrica dos Sonhos contou com diversas torcidas organizadas aos postulantes aos cargos de rei momo e também pela rainha e princesas do carnaval. No fim da noite, Perligeiro anunciou, em clima de suspense, os vencedores: Wilson Dias foi tricampeão. Já o título de rainha do carnaval ficou com Clara, que conquistou o bicampeonato, completam a corte ainda as duas princesas: Bianca Monteiro (2ª princesa) e Uilana Adães (1ª princesa).

* FOTOS: VEJA AQUI A CORTE DE 2016

Os candidatos se apresentaram ao som da banda Batuque Digital. Enquanto o resultado era apurado, a banda Pique Novo animava as torcidas presentes na Cidade do Samba com seus sucessos. O júri responsável pela decisão, presidido pelo Diretor de Operações da Riotur, Gustavo Mostof, era composto pelo assessor jurídico da Riotur, Heric Monti; pela porta-bandeira Selminha Sorriso, pela presidente da Amebras, Celia Domingues, e pelos jornalistas Rita Fernandes, presidente da Sebastiana, Leonardo Bruno, Alberto João, editor executivo do site CARNAVALESCO, e Aydano André Motta.

* VEJA AQUI GALERIA DE FOTOS COMPLETA DA FINAL

Torcedor do Vasco da Gama e da escola Unidos de Vila Isabel, Wilson cativou o público fazendo sua apresentação fantasiado de Deus do Olimpo. O tricampeão explicou ao site CARNAVALESCO a importância deste título neste momento da cidade.

– Esse título veio em excelente momento. Vai ser de extrema importância essas Olimpíadas para o Rio de Janeiro. Toda questão do desenvolvimento para a cidade. Muito importante pra mim, que tenho essa vontade de representar sempre a minha cidade.

Questionado sobre o que iria fazer com o prêmio, o rei momo já tinha ciência do que fazer com a grana. – A gente tem que investir bastante no nosso visual e na nossa desenvoltura. Nós viajamos para outros países, então, é necessário aprender outros idioma. Precisamos investir para estar bem com o nosso público.

A bicampeã Clara Paixão estava muito satisfeita com o resultado. A dançarina, torcedora do Flamengo e da Beija-Flor, esperava por um concurso muito equilibrado. – Todas as candidatas estavam muito bem preparadas. Não só em corpo, não só em estética, como também nas fantasias. Estavam todas lindas. A final desse ano foi um grande show. Elas foram além, buscaram conhecimento, toda uma base. Isso tornou a disputa muito acirrada – emendou.

– Vou usar o prêmio para estar bem. Estar à altura do Cortejo Real e representar bem a nossa cidade.

O vencedor do prêmio de rei momo leva para casa R$ 30 mil. A rainha também leva esse valor. Já as princesas recebem R$ 3,500 para a primeira princesa e R$ 1,500 para a segunda. 

Diretor de Operações da Riotur explica a importância do evento

Presidente do júri, Luiz Gustavo Mostof, diretor de operações da Riotur, explicou sobre o que significa o concurso para o Rio de Janeiro. –  Esse concurso trata-se de um pontapé inicial dos eventos oficias de carnaval da cidade. Todo o ano, o concurso de rei momo inicia os festejos oficias que vão se alongar até o final do carnaval. Dado o simbolismo do rei momo, a tradição ao longo da história, nós temos uma responsabilidade muito grande em eleger uma corte que esteja realmente num ponto que possa representar o Rio de Janeiro.

O diretor lembrou que os vencedores terão um ano especial. Já que a Cidade Maravilhosa receberá as Olímpiadas no ano que vem. – A cidade do Rio sediará os Jogos Olímpicos 2016, portanto, essa corte irá participar de diversos eventos nesse período. Então, o grau de importância se eleva um pouco ao grau de simbolismo do carnaval. Eles hoje representam um carnaval como um todo, recebem a chave da cidade das mãos do prefeito durante um período. São todos os sambistas, simbolicamente, lógico, e isso dá um ar de diferenciação em relação a outros cortejos de outros anos. A Cidade do Samba será um ponto importantíssimo durante os Jogos Olímpicos 2016. A Fábrica dos Sonhos receberá cerca de 300 mil pessoas. E entrega dos uniformes de todo staff e dos sistemas de voluntários será feito na Cidade do Samba. Assim como o credenciamento que irá começar logo após o carnaval – finalizou o Mostof.