Por Karina Figueiredo

O terceiro carro da União da Ilha levou o público a navegar por um Ceará de muita fé e devoção. “A Procissão Marítima de São Pedro” deu vida às procissões religiosas que, anualmente, reúnem milhares de fiéis no estado. Em tom lúdico e carnavalesco, a alegoria representou a crença do cearense dentro do contexto de um dos principais eventos religiosos do estado: a Festa de São Pedro dos Pescadores, em Fortaleza.

No topo do carro, uma imagem lembrava a Capela de São Pedro dos Pescadores, localizada na Avenida Beira-Mar, em Fortaleza. Completavam a cenografia da alegoria objetos que remetiam a seres do mar, botos e pescadores. O carro ainda contava com atrações como os Casais Romeiros; os Pescadores e devotos de São Pedro; e o Poema a São Pedro.

Do Ceará, o médico José Nivon, que desfilou na escola, ficou feliz em fazer parte da homenagem da Ilha ao povo cearense.

“Sou de Fortaleza, do Ceará do Cariri, e acompanhei esta homenagem incrível que a escola fez. São Pedro é um padroeiro das festas juninas e representa mais um movimento histórico da região, onde se preserva muito a cultura”, disse.

O estudante de Marketing Júnior Duarte não esconde o amor pelo enredo.

“Foi um orgulho trazer para Avenida o tema nordestino mesclado com a cultura do Carnaval Brasileiro. É um privilégio estar aqui, representando o nosso povo e a nossa cidade”.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui