Compositores: Amendoim Do Samba, Júlio Primavera, M. Silva, Zé Carlos D´Bel, Peu E Nascimento

Participação Especial: Jairo Limozine, Vlad Do Cavaco, Janaina Cesar, Leo De Souza E Flavio Lino

Intérpretes: Luizinho Andanças E Nino Smith

DIVINA LUZ
QUE ILUMINA ESSA RUA, QUE É TANTO MINHA QUANTO SUA
ME FEZ SORRIR, ME FEZ CHORAR
VIAS… DE UM COLORIDO CINTILANTE,
MEUS OLHOS FICAM MAIS VIBRANTES,
AO VER A MINHA ESCOLA DESFILAR
AH! MEUS ANCESTRAIS SEGUIRAM OS PASSOS DAS ESTRELAS
ABRINDO VALES, DESBRAVANDO CÉU E MARES
CRIOU LAÇOS NAS TRILHAS DE MINAS GERAIS
NESSA ENCRUZILHADA PEÇO PROTEÇÃO, LAROYE… LAROYE
QUANTAS VEZES FIZ MORADA NESSE CHÃO
PRA VER MEU PAVILHÃO VENCER

POR LÉGUAS EU VIAJEI, NUM ELDORADO SEM FIM
A IMENSIDÃO DO AZUL BORDOU A TRAJETÓRIA
BATALHAS TRAVEI, REINOS ENCONTREI
QUANTAS TERRAS CONQUISTEI

EU SOBREVOEI…
CHEGUEI AO ESPAÇO E NUM COMPASSO ATÉ AS RUAS DE PARIS
BAILEI.. POR RUAS QUE A NOITE VIROU MERETRIZ
FOSTE CANÇÃO, MINHA ILUSÃO E PURA PAIXÃO DA INFÂNCIA
CALÇADAS, EM VERSOS CANTADAS, ENAMORADA, CAMINHOS DA VIDA
AQUI… NO VAI E VEM DE UM NOBRE MERCADOR
A PROCISSÃO DA FÉ QUE NOS GUIOU
AO ALTAR DO SAMBA… Ò MAJESTADE
DA BRASIL A OUVIDOR, O PORTO EXPORTOU A NOSSA ARTE
RUAS… QUE EMBALA A LUA DO SAMBISTA
MANIFESTANDO TODO O ARTISTA
QUE NA PASSARELA O CHÃO MUDA DE COR
RUAS.. FEZ DE UM MENINO GIGANTE
DE AZUL E BRANCO EU MANIFESTO
SIMBORA BEIJA-FLOR… SIMBORA BEIJA-FLOR

Comentários