A Beija-Flor de Nilópolis oficializou o convite para que Carla Cachoeira assuma o posto de destaque de chão da escola e, ao mesmo tempo, passe a liderar a ala de passistas da azul e branca. A beldade, que se apresenta pela agremiação desde 2004, será vista na nova posição já em abril, no desfile que exaltará a intelectualidade negra.

Foto: Eduardo Hollanda/Divulgação

Carla é cria da Beija-Flor e começou no samba aos 15 anos, desfilando pela ala de baianinhas da “Deusa da Passarela”. Fez aulas no projeto social por meio do qual a instituição ensina jovens a arte do samba no pé aos jovens e, em seguida, migrou para o time de passistas, de onde não saiu mais. Agora, vai encarar a responsabilidade de incentivar e administrar os sonhos de dezenas de meninas e meninos que têm os mesmos sonhos que ela.

Nesta missão, Carla contará com a inspiração da avó, que era costureira da Beija-Flor e fazia fantasias para a escola, e também com o apoio da diretoria e do presidente Almir Reis.

“Será uma honra para a Beija-Flor ter a Carla desfilando como destaque e coordenando as passistas, que são reconhecidas por todo o Carnaval carioca como um dos pontos altos dos desfiles da escola. Estamos felizes e orgulhosos com essa indicação”, disse Reis.

Com a nova formação, os destaques de chão passam a incluir Carla junto a Cássio Dias e Charlene Costa. Por tradição, a Beija-Flor desfila apenas com três mulheres autorizadas a ostentar o título de “musa”, um dos mais concorridos da folia do Rio de Janeiro. Sâo elas: Selminha Sorriso, porta-bandeira da escola; Soninha Capeta, ex-rainha de bateria e Neide Tamborim, ritmista.

Comentários