De volta à Sapucaí em 2020, a Acadêmicos de Vigário Geral foi mais uma escola a levar sua comitiva ao estúdio Companhia dos técnicos, em Copacabana, para gravação do samba-enredo de 2020 para o CD da Lierj. E a campeã da Série B de 2019 trouxe para a gravação da faixa duas das suas principais novidades para o carnaval do ano que vem: o intérprete Tem Tem Jr e o mestre de bateria Luygui Silva. O cantor estava na Unidos de Bangu dividindo a responsabilidade do carro de som com outras vozes e na Vigário será a voz oficial pela primeira vez. Já mestre Luygui estava há três anos à frente da bateria da Unidos da Ponte.

Durante a gravação foi ajustado alguns detalhes como introdução do samba e questões de tom. A obra da Vigário Geral vem representar o enredo “O conto do Vigário” que trará para a Avenida uma narrativa de fatos relevantes que podem ter impedido o Brasil de “dar certo”.

Em entrevista a reportagem do CARNAVALESCO, mestre Luygui não quis revelar muito do que preparou para o CD, mas falou em fazer a bateria gerar sentimento através da sonoridade e valorizou os integrantes da bateria que estão juntos no projeto para 2020.

”A gente optou por um andamento mais cadenciado de 140 BPM (batidas por minuto). Eu fiz uma bossa que pega da segunda parte do refrão principal e vai até a volta do samba na ‘cabeça de cima’. É uma bossa que mescla diversos instrumentos, de surdo, de caixa. Ela diz um sentimento que eu tive junto com a diretoria em que acreditamos que traga sentimento para o samba. Pra mim estar aqui é um sentimento único, estar aqui gravando é inesquecível, é isso que representa pra mim junto com essa rapaziada que abraçou esse projeto comigo”.

Para o intérprete Tem Tem Jr, a obra gravada tem a sua cara. Ele valorizou a qualidade da música sem esquecer de ser um hino de fácil aprendizado pronto para ser cantado pela escola.

“Primeiramente só tenho a agradecer aos compositores que foram muito felizes na obra. Uma obra que não sendo ‘puxa saco’ demais é a minha cara. A escola vem forte, samba aguerrido, melodia forte, fácil, bonita. A escola vai cantar. Nada muito difícil, nem ‘esporrento’. Hoje vim determinado para ajudar e dar a minha contribuição no trabalho da escola”.

Comentários