Depois de 40 pontos, casal da Portela aguarda processo eleitoral para definir futuro

4412

Por Lucas Santos

Uma das grandes referências para a volta da Portela no desfile das campeãs, o casal Marlon Lamar e Lucinha Nobre ainda não têm certeza se vão continuar na Azul e Branca de Madureira em 2020. Claro, o carinho pela escola é grande e o desejo de permanecer também. Mas, as eleições, que serão realizadas ainda este ano, estão gerando a dúvida.

“Isso aí é com Deus, eu não tenho como afirmar por enquanto. Mas o desejo é continuar nessa escola que eu sou apaixonada, eu espero ficar aqui por muito tempo” confessa Lucinha.

Perguntado sobre a permanência, Marlon Lamar manteve o mesmo tom da parceira.

“Eu preservo sempre um carinho muito grande pela escola, apesar de não ter nascido no Rio, eu sou portelense e vou sempre guardar um desejo muito grande de desfilar por essas escola. E Deus sabe de tudo”.

Sobre as quatro notas 10 recebida dos jurados, Marlon atribuiu uma parte da pontuação à belíssima fantasia do casal em que ele representava a águia e Lucinha, Clara Nunes.

“Esse ano, nós nos preparamos muito, ano passado a gente bateu na trave. Acho que a nossa fantasia ajudou muito, a atmosfera de Clara Nunes e a águia e eu estou extremamente feliz pelo meu terceiro ano aqui no carnaval carioca”.

Lucinha acrescentou que a fantasia e o que representa deu uma força inimaginável para a performance.

“Representa o resultado de muito esforço, muito trabalho, obviamente todo mundo se esforça, todo mundo merece, mas como a gente ia falar de Clara, da águia, isso nos deu uma força maior”.

O casal também demonstrou um agradecimento muito grande à diretoria da escola e ao presidente Luis Carlos Magalhães por vencer as dificuldades e agir com respeito às agremiação de Madureira.

“Respeito, dignidade e compromisso com o nosso trabalho. Pra mim, isso é o que vale,” entende Lucinha.

Marlon é ainda mais taxativo quando ao agradecimento ao trabalho realizado pela diretoria.

“Eu não sei nem se excelente é cabível para definir a minha avaliação do trabalho da diretoria. Acho que a organização dos últimos carnavais tem feito a escola sempre voltar entre as campeãs e está mais do que provado que o trabalho deve ser continuado”.

Comentários