O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, utilizou as redes sociais para responder os sambistas e dirigentes das escolas de samba que protestam contra o desinteresse do político ao carnaval da cidade. Veja abaixo o post.

“Respeito, sim, todos os carnavalescos. Mas precisamos respeitar igualmente as crianças nas escolas e os doentes nos hospitais, os orfanatos e asilos e as milhares de pessoas que se alimentam nas nossas creches, escolas e restaurantes populares todos os dias.

Respeito sim, mas respeito também o restante da população do Rio que quer o dinheiro do município aplicado em serviços públicos. É o que mostra a pesquisa do Instituto Paraná. 88% da população quer que o carnaval seja patrocinado pela iniciativa privada.

Respeito sim e posso provar: o Carnaval de 2019 já é um sucesso, batendo recordes dentro e fora da Sapucaí. A expectativa da Riotur é de que vamos superar 2018 com 1,5 milhão de turistas na cidade. A média de ocupação hoteleira está em 88%, segundo a Hotéis Rio.

Respeito sim as 7 milhões de pessoas que vão aproveitar o melhor carnaval do Brasil nas ruas do Rio.

Preparamos a cidade para receber essa festa. Temos quase 5500 guardas/ dia nas ruas para proteger os foliões; a Comlurb está trabalhando com 7.686; a Rioluz fez vistorias preventivas e corretivas; intensificamos os trabalhos de sinalização e iluminação; 300 profissionais de saúde estão a postos.

Reduzimos o investimento público no Carnaval, mas trouxemos R$ 41 milhões de recursos do setor privado, mais um recorde histórico desse carnaval, o que significa que empatou a conta.

Carnaval de sucesso, rentável, sem onerar tanto os cofres do município.

Em época de crise precisamos de austeridade para poder prestar serviços a todos os contribuintes do Rio de Janeiro em especial os que mais precisam.

Portanto, respeito sim, mas precisamos desmamar!”

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui