Por Guilherme Ayupp

O Vai-Vai encerrou a noite de ensaios técnicos deste sábado no Anhembi com um treino nos padrões que somente a Saracura é capaz de fazer. Com um enredo de identidade negra, como é o DNA da escola, a comunidade da Bella Vista passou como um verdadeiro arrastão no Sambódromo, tendo ensaiado boa parte debaixo de chuva e com uma multidão acompanhando o fim do ensaio, dando certo trabalho à direção de harmonia.

Harmonia

Embora já tenha realizado ensaios técnicos com o canto mais forte, o padrão elevado de ensaios da Bella Vista foi constatado na pista do Anhembi. A comunidade lavou a alma debaixo de chuva cantando o tempo todo. A falta de sonorização total na Avenida não foi empecilho para uma harmonia quase perfeita.

Evolução

Alguns aspectos podem melhorar no quesito, tomando por base o regulamento do carnaval. A escola passou com um andamento de desfile irregular, ora mais acelerado, ora mais lento. De positivo a se destacar foi que a chuva não atrapalhou o ensaio. Forjado nas ruas, o Vai-Vai mostrou que não tem medo das condições climáticas.

Samba-Enredo

Um dos mais emblemáticos sambas da safra de 2019, a obra cumpriu um excelente papel esta madrugada no Anhembi. Um samba de DNA negro, defendido com muita garra por uma cantora negra. Grazzi Brasil segue provando porque se tornou intérprete oficial da escola do povo.

Bateria

Os comandados dos mestres Tadeu e Beto sacudiram o Anhembi com muitas bossas e o ritmo característico da Pegada de Macaco. Apesar de muita gente nas laterais da bateria, o desempenho dos ritmistas não foi afetado e eles encerraram o ensaio ovacionados pelo público do Anhembi.

Mestre-Sala e Porta-Bandeira

O casal Pingo e Paulinha, que tem a enorme responsabilidade de conduzir o pavilhão mais importante do carnaval de São Paulo, passou bem pela pista com uma evolução tranquila e sem maiores falhas. Eles vieram depois de uma ala e não logo atrás da comissão como virou praxe nos últimos carnavais.

Comissão de Frente

Formada por homens negros paramentados com uma fantasia também totalmente negra, os dançarinos foram ovacionados ao se apresentar com uma criança a tira colo, representando um molequinho, que é um dos principais símbolos do Vai-Vai.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui