A diretoria da Portela informou que Emanuel Lima e Camylinha Nascimento formam o segundo casal de mestre-sala e porta-bandeira da Majestade do Samba. Emanuel chegou à Azul e branca de Madureira em 2006, já foi passista da escola e de 2018 até este ano defendia as cores da escola como terceiro mestre-sala, ao lado da porta-bandeira Rosilane Queiroz.

Foto: Divulgação/Portela

“Esse convite é a resposta de que estou no caminho certo. Hoje ter a oportunidade de defender minha escola como segundo mestre-sala é maravilhoso, até inimaginável! Estou muito feliz, agradeço demais a confiança da direção de carnaval, de toda a diretoria e em especial a Nilce Fran, que foi muito importante para que as coisas acontecessem na minha vida e, claro, a minha porta-bandeira, Rosilane Queiroz. Fico muito feliz e muito honrado de agora estar dançando com a Camylinha. Fico muito honrado dela ter aceitado a dançar comigo. Tenho certeza de que essa parceria vai ser muito boa pra nós”, afirma Emanuel, ainda atua como segundo mestre-sala na Unidos da Ponte e primeiro na União Cruzmaltina.

Camylinha Nascimento, nova parceira de Emanuel começou a dançar aos 13 anos na escolinha da Tradição, onde chegou a ser a segunda porta-bandeira. Durante a gravidez de sua filha Victória, em 2009, desfilou como apoio na Portela, onde dava aula no projeto da escola. Há oito anos, Camylinha defende o segundo pavilhão da maior campeã do Carnaval carioca, sendo quatro como a segunda porta-bandeira.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.