Todo o início de ano é hora de conferirmos previsões para os 12 meses que vão vir. Dessa vez, o site CARNAVALESCO ouviu sua equipe de editores, repórteres e fotógrafos. Cada integrante apresentou suas apostas em oito questões. Eram elas: Fica de olho (uma escola, um samba, um personagem, um enredo que merece grande atenção); Nova geração (quem vai estrear e fará sucesso); Eu sou o samba 2019 (o grande personagem de 2019); desfile que mais aguarda; o ritmo esperado; a voz do ano; o artista do ano e a surpresa do ano.

Os mais votados foram:

Fica de olho: Paraíso do Tuiuti
Nova geração: Mestres de bateria estreantes no Salgueiro, Mangueira, Vila Isabel, Ilha e Grande Rio
Eu sou o samba 2019: Laíla na Unidos da Tijuca
Desfile mais aguardado: Mangueira e Portela
O ritmo esperado: Unidos da Tijuca
A voz do ano: Tinga, Wander Pires e Gilsinho (empate)
O artista do ano: Leandro Vieira
A surpresa de 2019: Viradouro

Veja abaixo todas apostas da equipe do CARNAVALESCO para 2019:

Alberto João (Editor Executivo do site)

Fica de Olho: Paraíso do Tuiuti (Promessa de outro grande desfile e quem sabe conquistando uma vitória histórica)
Nova Geração: Mestre Macaco Branco (juventude e talento à frente da bateria da Vila Isabel)
Eu sou o samba 2019: Laíla na Unidos da Tijuca (Espero algo avassalador do principal sambista do nosso carnaval)
Desfile que mais aguarda: Mangueira (a promessa de uma apresentação arrebatadora)
O ritmo esperado: Viradouro (mestre Ciça no nível mais alto)
A voz do ano: Tinga (volta triunfal na Vila Isabel)
O artista do ano: Jack Vasconcelos (sabe desenvolver enredo como ninguém), Leandro Vieira (um artista completo) e Paulo Barros (o gênio da emoção que sabe mexer com o público)
A surpresa de 2019: Viradouro voltando nas campeãs e na Série A uma grande disputa entre Estácio, Porto da Pedra e Unidos de Padre Miguel

Guilherme Ayupp (Chefe de Redação)

Fica de olho: Paraíso do Tuiuti
Nova geração: os mestres estreantes no Salgueiro, Mangueira, Vila Isabel, Ilha e Grande Rio
Eu sou o samba de 2019: Laíla
Desfile que mais aguardam: Viradouro, Mangueira e Tuiuti
O ritmo esperado: Salgueiro
A voz do ano: Gilsinho
O artista do ano: Leandro Vieira
A surpresa de 2019: Viradouro

Fiel Matola (Repórter)

Fica de olho: Portela. Pelo enredo tão esperado sobre Clara
Nova geração: Marcelinho Calil, presidente da Viradouro
Eu sou o samba de 2019: Laíla, o trabalho apresentado na Tijuca e na Águia consagrará ele fora da Beija-Flor
Desfile que mais aguarda: Salgueiro. Pela mudança que ocorre na escola
O ritmo esperado: Viradouro, com a volta de Ciça
A voz do ano: Tinga, que está voltando para a escola que é sua cara
O artista do ano: Acho que a figura do carnavalesco fará diferença na crise. Leandro Vieira será mais uma vez consagrado
A surpresa de 2019: Vila Isabel, ela deve resgatar sua origem

Allan Duffes (Fotógrafo)

Fica de Olho: Viradouro

Desfile que mais aguarda: Viradouro

Ritmo esperado: Mocidade

A voz do ano: Tinga

O artista do ano: Rosa Magalhães

A surpresa de 2019: União da Ilha

Dandara Carmo (Repórter)

Fica de olho: o samba da Santa Cruz
Nova geração: mestre Macaco Branco, da Vila Isabel
Desfile que mais aguarda: Mangueira
O ritmo esperado: bateria da Mangueira
A voz do ano: Marquinho Art Samba
O artista do ano: Leandro Vieira
Surpresa de 2019: Mangueira

Diogo Cesar Sampaio (Repórter)

Fica de olho: Tuiuti no Especial (Tem um bom samba, um enredo crítico e inspirado, além de uma posição de desfile nobre e de uma equipe talentosa. Com isso, tudo indica um caminho de sucesso, similar ao da Unidos da Tijuca nos anos 2000) e Cubango na Série A (Conta com uma dupla de carnavalescos talentosíssima, uma bateria afiada, um samba aguerrido e um enredo bem construindo. A escola tem tudo para brigar e quem sabe alcançar sua tão sonhada ascensão inédita ao Especial)

Nova geração: O intérprete Evandro Mallandro na Grande Rio (Um grande cantor, com voz e presença). O cantor Roninho na Santa Cruz (Ano passado, ele atuou com o Quinho. Agora com um dos melhores sambas do grupo, tem tudo para finalmente brilhar e deixar o seu cartão de visitas)

Eu sou o samba 2019: Laíla no Especial (De casa nova, seu estilo já se faz presente na Tijuca, e mostra que o mestre ainda tem muito a contribuir com a festa). Na Série A vou com Gabriel Haddad e Leonardo Bora (Com mais uma proposta plástica diferenciada, e já chamando a atenção e o interesse de escolas do Especial, a dupla busca se firmar, e quem sabe, pode até se consagrar com um título)

Desfiles que mais aguarda: Portela no Especial (É a escola de Madureira finalmente homenageando Clara Nunes, não precisa dizer mais nada). Estácio na Série A e menção para a Unidos de Padre Miguel

O ritmo esperado: Mocidade no Especial e a Porto da Pedra na Série A

A voz do ano: Wander Pires no Especial no Especial e Diego Nicolau na Série A

O artista do ano: Leandro Vieira e Rosa Magalhães no Especial. João Vitor Araújo na Série A (Em 2019, homenageando uma figura tão lendária quanto Dias Gomes, com a estrutura e porte da Undios de Padre Miguel, tem tudo para repetir mais um trabalho excepcional)

A surpresa de 2019: Viradouro no Grupo Especial (Tem tudo para surpreender e até retornar ao desfile das campeãs. Contando com a grife Paulo Barros, a volta de Ciça para bateria, vem novamente para ser uma das gigantes do Especial. Santa Cruz na Série A (Pela primeira vez nos últimos anos, tem bom enredo e um bom samba, além de um carnavalesco experiente e com talento)

Matheus Emanuel (Repórter)

Fica de olho: Enredo da Mangueira
Nova geração: Evandro Mallandro na Grande Rio
Eu sou o samba 2019: Quinho no Salgueiro
Desfile que aguarda: Portela
O ritmo esperado: Unidos da Tijuca
A voz do ano: Gilsinho
A surpresa de 2019: Viradouro nas campeãs

André Coelho (Repórter)

Fica de olho: desfile da Mangueira
Nova geração: mestres de bateria prata da casa no Salgueiro, Ilha, Vila Isabel e Grande Rio
Eu sou o samba 2019: Elza Soares na Mocidade
Desfile que mais aguarda: Portela
O ritmo esperado: Unidos da Tijuca
A voz do ano: Gilsinho
O artista do ano: Leandro Vieira
A surpresa de 2019: Viradouro

Geissa Evaristo (Repórter)

Fica de olho: samba da Unidos da Tijuca
Nova geração: os mestres de bateria do Salgueiro
Eu sou o samba 2019: Ruth de Souza (enredo da Santa Cruz)
Desfile que mais aguarda: Salgueiro
O ritmo esperado: Tijuca
A voz do ano: Wander Pires
O artista do ano: Jack Vasconcelos
A surpresa de 2019: São Clemente

Eduardo Fonseca (Repórter)

Fica de olho: Viradouro. A escola tem tudo pra repetir a Tijuca de 2000 e até fazer melhor que o quinto lugar tijucano
Nova geração: Evandro Mallandro
Eu sou o samba 2019: Leandro Vieira
Desfile que mais aguarda: Portela
O ritmo esperado: Portela
A voz do ano: Wander Pires
A surpresa de 2019: Vila Isabel

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui