O site CARNAVALESCO realizou, em parceria com o grupo Doentes da Sapucaí, a live de premiação do Estrela do Carnaval 2020, que envolveu os premiados e as escolas do Acesso e Grupo Especial de São Paulo. O encontro mexeu com os sambistas. Abaixo, você confere a repercussão da live e da premiação com os cantores do carnaval paulistano.

Ernesto Teixeira – Gaviões da Fiel

“Sempre bom rever, primeiramente, os amigos e ouvir grandes vozes, num ambiente que reúne o mundo do samba e da arte do carnaval. É sempre gratificante. Essa homenagem, eu não sabia, vocês me pegaram de surpresa aqui, sempre legal você ser reconhecido. De coração mesmo, estou gratificado”.

Royce do Cavaco – Rosas de Ouro

“É um prazer participar dessa live do site CARNAVALESCO, poder reencontrar amigos aqui e apesar do momento, sem poder se apresentar nos lugares como antigamente, abertamente, aproveitar a live, a iniciativa e mostrar um pouquinho do Carnaval de
SP. Já fazendo uma prévia, preparar para o próximo carnaval, seja lá quando for”.

Igor Sorriso – Mocidade Alegre

“Um momento complicado que a gente está passando, mas essas iniciativas, esses
momentos, tem sido muito raros é bem bacana pra gente poder revigorar a nossa mente, nossas energias, encontrar os amigos, os colegas de trabalho e poder fazer o que a gente ama, que é cantar o samba enredo, se divertir, passar uma mensagem bacana pro
público. Estou feliz em estar aqui hoje, agradecendo a equipe do site CARNAVALESCO pelo carinho, pelo trabalho, pela iniciativa. Mas, vamos torcer para ter essa vacina, para em breve estarmos juntos, fazendo nossas aglomerações e nossos ensaios”.

Agnaldo Amaral – Tom Maior

“É maravilhoso estar nessa live, já que não estamos tendo ensaios com essa pandemia que
quebrou geral, é bom rever os amigos, os intérpretes da melhor qualidade. Legal e parabéns pela iniciativa do site CARNAVALESCO. Tamo junto! Enquanto não tem carnaval, vamos cantar e, que papai do céu abençoe pra que chegue essa vacina logo pra gente poder estar juntos, se abraçando, curtindo, juntos com nossa comunidade”.

Renê Sobral – Dragões da Real

“Quero agradecer a oportunidade de ter sido agraciado com esse prêmio que muito importante para todos os intérpretes, para mim e para minha carreira. A gente sabe que a pandemia ainda está aí, porém, com uma organização, com proteção e seguindo os protocolos a gente consegue voltar a fazer os nossos eventos com todo o cuidado e assim voltar as atividades aos poucos. Estou muito feliz pela oportunidade de estar aqui hoje.
Eu estou muito feliz, muito feliz mesmo. Esse prêmio significa a valorização do site CARNAVALESCO a nós, profissionais do samba”.

Luiz Felipe – Vai-Vai

“Um sonho de infância, a gente que nasceu escutando todos eles e hoje fazer parte desse time é uma coisa muito importante e é um sonho que a gente não acredita que está se realizando, mas com Deus a gente consegue realizar”.

Douglinhas e Darlan Alves – Águia de Ouro

Douglinhas: “Cheguei lá em 1989, saí, voltei de novo, mas entre idas e vindas devem fazer uns 27, 28 anos. Estar aqui hoje pra mim demonstra que o samba não parou, estamos em plena pandemia, mas o samba segue sua ordem natural, trabalhando. Vocês do CARNAVALESCO também estão trabalhando em prol do samba, isso é bem legal”.

Darlan: “Entre idas e vindas, estou há cinco anos. É mais uma oportunidade da gente estar “próximo” da nossa comunidade, já que devido a essa pandemia a gente teve que se afastar. Estar em eventos assim é sempre uma oportunidade, a gente agradece em nome da Águia de Ouro, pelo convite da gente mais uma vez poder cantar nossos sambas pra nossa comunidade através da internet”.

Celsinho Mody – Tatuapé

“Pra mim é uma honra representar os dois maiores carnavais do Brasil e duas escolas de samba tão tradicionais (Tatuapé e Tuiuti), tão maravilhosas, é difícil porque o tempo é muito curto, a diferença de temperatura, uma cidade é gelada, a outra muito quente, mas com amor ao samba e pela felicidade de representar o samba, de levar alegria para as pessoas a gente enfrenta este desafio e graças a Deus tem dado certo. Vou pro quarto ano consecutivo nessa maratona e que Deus abençoe e que eu fique por muitas e muitas décadas. Agradeço primeiro a Deus por estar vivo, com saúde, atravessando esse tempo tão complicado, segundo por estar ao lado dos meus companheiros no evento de um site tão sério, que luta tanto pelo carnaval, isso nos dá orgulho de fazer parte desse evento e terceiro por levar alegria verdadeira para a casa das pessoas que estão precisando de samba, de matar a saudade desse ritmo que representa o Brasil, então estou feliz demais”.

Chitão Martins – Colorado do Brás

“Representa muito estar aqui hoje. Primeiramente matando a saudade de rever os amigos. Torcendo pra que isso tudo passe e a gente possa estar junto novamente, não só aqui cantores, mas toda a nossa comunidade porque carnaval é povão, uma coisa de calor humano, a gente está sentindo muita falta disso e quando tem lives que a gente pode rever os amigos e conversar um pouco é bom porque a gente mata um pouco essa saudade. Queria agradecer a todo o povo do samba que prestigiou essa live maravilhosa. Tenho certeza que todos estão morrendo de saudade, doido pra curtir um samba junto, com aquele calor humano maravilhoso que só sambista sabe acolher. E, se Deus quiser logo logo estaremos todos juntos novamente, tenho muita fé que essa vacina vai sair e voltaremos a estar juntos nas nossas quadras, no Anhembi, nos ensaios técnicos e no desfile”.

Thiago Lima e Digão Lima – Acadêmicos do Tucuruvi

Digão: “Tive a honra de chegar nesse pavilhão em 2017, estamos aí até agora, com muito carinho, muito respeito. Queria agradecer ao CARNAVALESCO por manter o nosso movimento, manter nossa bandeira sempre erguida, por levantar nossa bandeira do samba, mesmo nesse momento tão difícil a nossa chama não se apaga”.

Thiago: “Essa live foi maravilhosa. Acho que todo incentivo pro carnaval quando vem surgindo mídias fazendo eventos tão grandiosos como este só enobrece, só engrandece o nosso movimento e é muito bom para o carnaval de São Paulo”.

Rafael Pinah – Independente Tricolor

“Pra mim é uma grande felicidade poder participar desse momento do site CARNAVALESCO, juntamente com os Doentes da Sapucaí promovendo essa grande união de sambistas pra gente levar alegria, descontração pra todas as pessoas que acompanham esse site maravilhoso. E, de alguma forma trazer para essas pessoas um pouco da lembrança do carnaval para ajudar a atravessar esse momento difícil com samba, algo que faz parte das nossas vidas. É uma alegria imensa, estou muito feliz! Que venha o próximo carnaval se Deus quiser, com a vacina, todo mundo saudável nessa festa que não vai acabar jamais”.

Christian Santos – Barroca Zona Sul

“Agradeço ao convite. É muito gratificante voltar ao carnaval. Estamos há mais de seis meses parados. As lives mexem com a gente, agitam as escolas”.

Cacá Camargo – Unidos de Vila Maria

“Estamos indo pro nosso quinto carnaval juntos, graças a Deus. Continuo na Vila Maria porque desde a primeira vez que entrei lá fui recebido de uma forma ímpar, é uma escola que trabalha muito sério, que trata a gente de uma forma muito humana, todos os integrantes, todos os componentes da escola, da comunidade em si. É uma escola realmente diferente, a gente se sente em casa, quem entra não quer mais sair, não tem jeito. Uma delícia estar aqui, oportunidade de rever grandes amigos, da gente estar juntos, mesmo que a distância chegar perto do nosso público, da nossa comunidade, todo o povo do carnaval assistindo junto, é uma delícia. É isso que está podendo né? Então a melhor coisa que pode acontecer é isso. Queria agradecer a confiança da diretoria, sobretudo também a confiança do Wander Pires, nosso intérprete oficial que sempre confia em mim pra vir pra esse tipo de evento, obrigadão de verdade e a todo o povo de Vila Maria que comentou, postou, falou da gente. Tamo junto, vamo pra dentro que o carnaval de 2021 se Deus quiser sai essa vitória”.

Léo Rocha – X-9 Paulistana

“É uma alegria muito grande. Primeiramente parabenizar o site CARNAVALESCO pela iniciativa, ainda mais nesse momento que está tudo parado, então, é um pouquinho de alegria para o pessoal poder matar a saudade. É uma honra muito grande estar aqui, revendo os meus amigos cantores que estamos um bom tempo sem se ver. Essa era a época em que estaríamos todos reunidos nas eliminatórias, defesas de samba, ensaios e pelo fato da pandemia não podemos estar reunidos”.

Tinganá – Camisa Verde e Branco

“A união faz a força, primeiramente. Representa muito estar envolvido nesse evento em prol dos cantores e essa organização que o site CARNAVALESCO está fazendo. E para mim, que sou novo em São Paulo, é muito bom estar envolvido no meio de tantas feras que não temos contatos no dia a dia, só mais no carnaval. E, é sempre bom nessa época, antes do Carnaval, a gente está sempre junto. É uma honra estar aqui, uma honra”.

Cobertura feita por Danilo Freitas, Gustavo Lima e Rennan Laurente

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui