Por Philipe Rabelo

O sábado no Camarote do King foi uma noite de muita expectativa para o desfile da Estácio de Sá. Dona Eliane, a matriarca da família, desfilou como destaque da escola no carro abre-alas, representando o mistério do Cristo Negro encontrado no fundo do mar, no Panamá.

A fantasia era composta por vários leds que piscaram ao longo do desfile. Dona Eliane, de 66 anos já estava contando com a apresentação.

“Carnaval tem que ser com brilho, foi tudo maravilhoso. Eu estou com 66 anos e ainda desfilaria mais uma três vezes. Não dá para desanimar”, justificou.

Além dos desfiles, o público que estava no King tinha um vasto leque de opções de atrações e aproveitou os vários shows do camarote. A boate, de 200m², ficou disputada na noite de sábado. As atrações foram Seligaê, Gustavo Lins, Marcelo e Serginho e o grupo The Funk!

Não apenas na boate, mas o público podia cortar o cabelo, fazer maquiagens e, inclusive, receber massagens no segundo andar. O Club Men foi a novidade. Luã Bandeira é um dos barbeiros e falou sobre as pessoas questionarem o fato de ter uma barbearia no camarote.

“As pessoas acham que todo mundo já vem com cabelo cortado e barba feita, mas muitas vezes a falta de tempo não deixa isso acontecer. Por isso, entre um desfile e outro a gente dá um trato. Barba, cabelo e bigode”, brincou.

O Camarote do King, no ano passado, já tinha o estande de Narguilé, da Vilão Hookah Lounge, para todo o público. A empresa veio de Goiânia diretamente para a Marques de Sapucaí.

Uma outra novidade estava nos bares. Parecia uma chopeira, mas na verdade era o espumante Bonevi. Se trata de um espumante expresso, em que a máquina transforma, na hora, o vinho branco em espumante. O bag, que é algo semelhante a um barril, contem 20 litros de vinho branco, o que equivale a 26 garrafas.

“Isso é uma tecnologia alemã, do qual a Bonevi é representante exclusiva no Brasil. Conhecemos o King por meio de eventos e achamos uma boa oportunidade de trazer para a Avenida”, contou Jalter Mendonça, representante da Bonevi.

O jornalista Rafael Bortoloti, de 24 anos, é estreante na Marquês de Sapucaí e fez isso em grande estilo. Ele veio para o camarote do King conhecer a festa mais famosa do mundo.

“Está sendo muito bom, a expectativa era a melhor possível. Estou gostando bastante”, disse.

Este ano a temática do Camarote foi Veneza e isso já havia sido revelado por Dona Eliane, a mãe de João King, no carnaval de 2018. Mesmo antes do fim do carnaval de 2019, ela já adiantou que no próximo ano será a vez da China ser a inspiração do camarote.

A produtora executiva do Camarote do King, Lilian Martins, reforçou que a preparação para cada ano do camarote tem sido melhor e com isso o serviço tem sido, apesar de trabalhoso, cada vez mais fácil.

“Com a experiência dos demais anos, o trabalho começa a fluir melhor. Esse ano estamos bem mais tranquilos. Até a chuva, que chegou forte já entrou no planejamento, basta ver a quantidade de capas de chuva que temos”, justificou.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui