O vereador Marcio Ribeiro (AVANTE) deu entrada no Projeto de Lei 334/2021 que pede o tombamento do imóvel que abriga, há 24 anos, a Lins Imperial. Para o parlamentar, a iniciativa pretende garantir aos moradores do Grande Méier a oportunidade de ter no espaço não só os ensaios da Lins Imperial, mas também o acesso à cultura.

“Outro papel importante é dar oportunidade para os artistas apresentarem seus trabalhos de forma digna, em espaços adequados à construção do diálogo entre artista e público. Com o apoio da Prefeitura, a Lins Imperial vai poder criar um belo espaço que irá atender toda a população da região, que é carente de acesso à cultura e lazer,” explica o vereador Marcio Ribeiro.

Após ser campeã do Grupo Especial da Intendente em 2020, a Lins Imperial voltará a desfilar na Marquês de Sapucaí em 2021. Agora integrando a Série Ouro, que passa a se chamar Liga RJ, a agremiação vai ter como enredo uma homenagem ao trapalhão Mussum, desenvolvida pelos carnavalescos Eduardo Minucci e Rai Menezes. A volta ao Sambódromo também representa a relevância da Lins no cenário municipal e sua importância para a Zona Norte.

A Lins Imperial está situada na Rua Lins de Vasconcelos, 623, desde 1997. Ao longo dos anos, a agremiação tentou por várias vezes a oficialização da concessão do espaço para que ali seja implementado um projeto cultural e recreativo para o bairro. Visando o início da ação por parte da escola, é de suma importância que o local seja regularizado, para que o espaço de cultura possa ser construído junto ao poder público.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.