Compositores: Claudio Russo, Lequinho, Léo do Piso e Chico Alves

GANGAZUMBA ACENDEU A CANDEIA
PARA O REI DO TERREIRO PASSAR (ô IAIÁ)
CASA GRANDE AINDA APERREIA
CONTINUA QUERENDO AÇOITAR
LOGO EU SENTINELA DAS CANÇÕES
CRIADOR DAS ILUSÕES
CONTRA O VERBO DESIGUAL
LOGO EU DOS POETAS SEM GRILHÕES
DETENTOR DAS TRADIÇÕES
DO MAIS PURO CARNAVAL
É CAPIONGO
QUE O NEGRO DANÇA JONGO
BATUCA TAMBOR DE CONGO
BOTA O BOIÃO PRA FERVER
ZAMBIAPONGO
COM FOLHA DE JUREMÁ
PÕE MASSEMBA PRA RODAR
NA GINGA DO BENDENGUÊ

Ê BAMBEIA
SOU QUILOMBOLA
DE ANGOLA E DA GUINÉ
Ê BAMBEIA
A MORDAÇA NÃO ME CALA
NEM ARGOLA PRENDE O PÉ

LUNDU! MARACATU!
BATICUM DE IJEXA
SEGURA A SAIA, RABO DE ARRAIA
CAPOEIRA CAMARÁ
GIRA BAIANA! FILHA DE SANTO
QUE O AXÉ VEM DA SENZALA
DE LUIZAS E MARIAS, ANASTÁCIAS E DANDARAS
LIBERDADE! NOVA ESCOLA ANUNCIOU
É JEJE, BANTO E NAGÔ
A COR DA REBELDIA
SALVE O PRETO VELHO QUE ENSINOU
QUE O NEGRO NÃO TEM SENHOR
NEM É REI SÓ POR UM DIA

YÊ YÊ ORA YÊ YÊ Ô… KIZOMBA!
OXUM MÃE DO XIRÊ Ô… MIRONGA
A CANGIRA DOS BATUQUES ONDE O SAMBA SE ABRIGA
É NO IMPÉRIO DA TIJUCA O QUILOMBO DA FORMIGA

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui