Império da Tijuca terá musa peruana em seu desfile

339

Vai ter muita gringa sambando na Sapucaí. Após o sucesso causado com a musa londrina Samantha Flores que desfila há cinco anos no Império da Tijuca, quinta escola a se apresentar no segundo dia de desfiles da Série A no Carnaval 2019, a Império da Tijuca anuncia a chegada da peruana Johana Vizcarra que também apresentará a sua beleza e sim, muito samba no pé no carnaval da agremiação.

Além das musas gringas, a escola contará com 8 passistas de fora do Brasil, entre elas 2 australianas, duas argentinas, 1 russa, 1 japonesa, 1 suíça e 1 uruguaia e mais: 2 brasileiras que vivem na Inglaterra, 2 no Rio Grande do Sul, 1 em Santa Catarina e a musa baiana Ioná Galvão.

“O mundo mudou e nós mudamos junto com ele, nos adaptamos mantendo tradições. Desde 2013 nas alas que tive oportunidade de dirigir já desfilo com passistas de fora do Rio ou de diferentes nacionalidades, Japão, Chile, Argentina, Uruguai, Jamaica, EUA, Rússia, China, Austrália e alguns estados brasileiros. A globalização da dança do samba é latente, pulsante e quanto mais interações pudermos gerar, melhor. A essência do passista e o amor à dança do samba ganha terreno dia após dia, por isso vamos abrir espaço pra essas pessoas demonstrarem sua arte no maior palco de carnaval do mundo. O samba é agregador em sua raiz, não separatista”, explica o coordenador de passistas Gabriel Castro.

Apaixonada por carnaval, a nova musa da escola Johana Vizcarra fundou sua própria escola de samba na Califórnia. A agremiação “Samba Conmigo” existe há 10 anos e hoje é uma das escolas de samba mais renomeadas em todo os Estados Unidos.

“Nasci no Peru e desde criança via os desfiles do carnaval carioca. Cresci admirando e amando a cultura brasileira. Para mim, ser musa era apenas uma ilusão que nunca pensei que seria realizada. Meu amor pelo Brasil, seu povo e o samba é um sentimento indescritível, não tenho palavras para explicar a paixão que sinto pelo país e sua cultura. Agradeço a Deus, a comunidade da escola pela grande oportunidade de ser musa e já sinto amor, respeito e muita responsabilidade pela agremiação”, declara a peruana.

Buscando o título à elite do carnaval, a Império da Tijuca apresentará em 2019 o enredo “Império do Café, o Vale da Esperança” de desenvolvimento do carnavalesco Jorge Caribé.

Comentários