Por Philipe Rabelo

A São Clemente foi a responsável por abrir a segunda noite de desfiles do Grupo Especial, na última segunda-feira. A agremiação da Zona Sul passou pelo Sambódromo com o enredo “O Conto do Vigário” abusando das cores e da irreverência, uma marca já tradicional da escola de Botafogo. Logo após o fim do desfile a reportagem do site CARNAVALESCO conversou com os componentes que ficaram satisfeitos com o desfile e estão confiantes em alcançar uma boa colocação.

O humorista Marcelo Adnet, um dos responsáveis pela confecção do samba-enredo da escola estava visivelmente cansado, mas extremamente feliz e esperançoso.

“O desfile trouxe muita alegria porque o Brasil é assim. O conto do vigário é assim, nasce bem humorado, engraçado, depois evolui dentro do Brasil pra um conto do vigário institucionalizado. Um enredo que vai do humor, da alegria até uma crítica mais séria.”, analisou o humorista que emendou.

“O carnaval é festa também. O Brasileiro é muito bom em fazer piada com sua própria desgraça E é um samba que propõe no final uma virada de esperança, de virada de maré. Estou muito feliz com o desfile. Dei tudo de mim, estou acabado”, brincou o humorista.

O presidente Renato Almeida, mais conhecido como Renatinho, era outro que não escondia a felicidade após passar pela Sapucaí.

“O desfile foi excelente. Um desfile que o clementiano merecia. A comunidade foi excelente, foi tudo muito bom. Estou muito feliz”, afirmou Renatinho que contou com a parceria de Marcelo Adnet ao longo do pré-carnaval para divulgar a escola.

“Foi muita doação, fiz de tudo nessa disputa, desde que a gente começou a compor, durante a disputa, nos ensaios, foi muito esforço, a gente trabalhou nove meses pra esse momento. Foi demais muito emocionante! Não influenciei no carnaval, mas divulguei muito a escola. Fui em todos os ensaios, em todos os programas que pude divulgar o samba. Foi esse o meu esforço.sempre respeitando também o carnavalesco e o presidente, eles que têm a palavra final então não me entrometi, o que fiz foi só ajudar mesmo”, explicou Adnet.

Uma das vozes oficial da São Clemente, Leozinho Nunes, deixou a Marquês de Sapucaí com um sorriso no rosto e sensação de dever cumprido.

“Desde já, gostaria de agradecer ao site CARNAVALESCO pela cobertura. Esse é um site que sempre apoia o samba. A São Clemente está aí, devagarinho… Quem sabe a gente não ‘belisca’ o sábado das campeãs e vem entre as seis?”, dispara o intérprete.

 

 

 

O diretor de carnaval, Thiago Almeida, fez coro com os outros integrantes, para ele a escola passou muito bem pela Avenida, cumprindo tudo o que foi planejado.

“Esperava um ótimo desfile, mas superamos as expectativas. Nos emocionamos no final. Saímos completamente satisfeitos. De cem por cento, a gente está cento e um por cento satisfeitos e felizes com esse carnaval que passou na Avenida. O que vai acontecer na Quarta-feira de Cinzas, ninguém sabe dizer, mas estamos confiantes. Estamos esperando um bom resultado pelo desfile que a gente fez”, pontuou o diretor.

Comentários