Um grupo de mestres e diretores das mais variadas baterias das escolas de samba do Rio de Janeiro decidiram se mobilizar para ajudar os colegas que estão em situação difícil e criaram a campanha “Ritmo Solidário”.

Organizado pelo sambista China do Estácio, a campanha vem mobilizando mestres de bateria de várias agremiações com o objetivo de arrecadar mantimentos (alimentos, produtos de limpeza e higiene) para ajudar seus integrantes que estão em situação vulnerável.

“Muitos componentes moram em comunidades e estão passando por um momento delicado em suas residências. A intenção é que nós possamos nos unir nessa ação de solidariedade”, explica o organizador do projeto.

Para isso, cada mestre de bateria fará um cadastro dos seus ritmistas que necessitem da ajuda para o recebimento das doações que podem ser entregues por toda a população a partir dessa semana, de segunda à quinta-feira, das 10h às 18h, na Travessa Onze de Maio (em frente ao Setor 10 do Sambódromo).

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui