Abrir o carnaval pode ser ruim para outras agremiações, mas não para a São Clemente. A escola da Zona Sul já sabe que abrirá a segunda de carnaval e não participa do sorteio nesta quinta na Liesa. Para o carnavalesco Jorge Silveira a escola se habitou com essa posição.

“Nós abriremos novamente a segunda-feira com muito gosto. Dois desfiles marcantes de nossa história recente aconteceram exatamente com essa colocação de desfile. Em 2015, ano do Pamplona e agora em 2019 na reedição de 1990. A escola se sente confortável com essa posição. O nosso lado de concentração também é um benefício, pois estaremos na porta de nossa quadra”, avalia.

O intérprete Leozinho Nunes, que divide o microfone oficial com Grazi Brasil e Bruno Ribas, também opina. Ele concorda com Jorge Silveira e ressalta que poder se concentrar dentro da quadra é um ganho importante.

“As pessoas dizem que é a melhor colocação da São Clemente ser a primeira de segunda. Será? (risos). Acho que a gente se prepara para qualquer posição de desfile. Há uma preparação o ano inteiro. Na minha opinião estar do lado do Correios é uma vantagem por estar do lado da quadra, é mais confortável para os nossos desfiles. A escola dá suporte, tem uma roda de samba, tem uma energia bacana demais”, conclui.

Comentários