A Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo informa que optará por um novo modelo de gestão de agora em diante. A decisão foi tomada em assembleia geral extraordinária, realizada na noite desta segunda-feira. Pelos próximos 90 dias, uma diretoria provisória, liderada pelo presidente Sidnei Carriuolo, coordena a transição, com a participação de Luciana Silva (Administrativo), Jamil Elselam (Financeiro) e Darly Silva (Carnaval).

Durante este período, um comitê gestor trabalhará junto com a diretoria para encontrar o nome de um gestor profissional, sem ligação com a diretoria das agremiações filiadas, para colocar em prática um novo modelo de administração.

Vale ressaltar que esta mudança visa única e exclusivamente modernizar e se adaptar aos novos moldes de gestão, sempre pensando no crescimento do Carnaval de São Paulo, uma das principais marcas da administração do presidente Paulo Sergio Ferreira (Serginho), a quem o Carnaval paulistano e as escolas de samba agradecem e reconhecem por todos esses anos de dedicação e empenho.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui