Reeleito vice-presidente da Vila Isabel para o próximo quadriênio (2021/2024), na chapa com o presidente Fernando Fernandes, Luiz Guimarães conversou com o site CARNAVALESCO sobre o novo momento da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), fez um balanço do primeiro mandato na escola do bairro de Noel e projetou o futuro do carnaval e da sua escola de samba.

“Estamos conscientes do que foi entregue. Foi um mandato de reestruturação da escola. Muitas dívidas e arrumamos a casa. Zeramos todas dívidas. Optamos por enredos mais financeiramente rentáveis para termos essa quitação. Fizemos carnavais para disputarmos títulos, investimos pesado, em um ano fomos bem (terceiro colocado em 2019), no outro ano (2020) também fizemos bem, infelizmente, o resultado não foi o esperado, mas a consciência da diretoria e do componente é que foi um trabalho bem feito. Agora, a continuidade com um enredo muito bom (sobre Martinho da Vila), já com o financeiro bem resolvido, vamos seguir procurando enredos mais autorais para os próximos carnavais, que possam gerar sambas fortes, apelo popular, para que a Vila possam sempre chegar disputando título”, afirmou o dirigente da Vila Isabel.

Para o próximo mandato, Luiz Guimarães pensa em novas ações da escola com sua comunidade, além de atrair o público para outros eventos, quando acabar a pandemia da Covid-19.

“Queremos estruturar bem a parte comercial da escola. Trazer projetos para conseguimos nos sustentar melhor. Explorar e melhorar a boutique da escola, inclusive, como novos produtos e venda online, além de dar uma repaginada em obras estruturais. Penso em tocar projetos de quadra, de ensaios, novas propostas, e, cada vez mais, explorar a quadra de forma rentável para escola”.

A eleição da Liesa motiva o jovem. Herdeiro do Capitão Guimarães, que comandou durante anos o Grupo Especial do Rio de Janeiro, ele entrou como novo benemérito da Liga, mas não tem nenhum cargo na diretoria de Jorge Perlingeiro. Ao site CARNAVALESCO, Luiz demonstrou otimismo com a nova gestão e os projetos que estão previstos para serem desenvolvidos no mundo do carnaval.

“Vejo de forma bem otimista. A nova diretoria está engajada em ajudar e fazer bastante pelo carnaval. Tem o ar de experiência e o Perlingeiro também está disposto a ter muita colaboração e pessoas para somar nos projetos. Temos os governos no âmbito municipal e estadual que vão colaborar e agregar muito. Estamos marcando de termos reuniões e todo mundo está unido em buscar projetos, fomentar novos caminhos, e desenvolver ideias que não haviam sido feitos dentro da Liga. Não tenho cargo, entrei como benemérito, mas vou sempre estar junto e disposto para agregar. O tempo vai me ensinar muito e procuro me espelhar nos meus pais e nos mais experientes, ouvir muito, para fazer um trabalho bem feito e o sucesso vai vir”.

No próximo carnaval, a Unidos de Vila Isabel será a última escola a desfilar na segunda-feira de carnaval com o enredo “Canta, Canta, Minha Gente! A Vila é de Martinho! ”, em homenagem a Martinho da Vila e desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.