Mestre Moleza promete mostrar na festa do Estrela do Carnaval o que fez sua bateria ser eleita a melhor de SP

1197

Com uma das melhores colocações, a Unidos de Vila Maria apresentou a história do Peru com um desfile surpreendente, leve e alegre. A Cadência da Vila foi eleita, através do prêmio Estrela do Carnaval concedido pelo site CARNAVALESCO, como a melhor bateria do Grupo Especial de São Paulo. A festa de premiação do Estrela do Carnaval 2019, no dia 24 de março, domingo, no Hotel Holiday Inn Parque Anhembi, está com promoção relâmpago. Por apenas R$ 50 com buffet completo de feijoada, saladas e sobremesas, além de open bar (cerveja, refrigerante e água).  CLIQUE AQUI E COMPRE SEU INGRESSO

O quesito trouxe diversos pontos que explicam o motivo da premiação. As bossas bem elaboradas e de nível técnico elevado enriqueceram o desfile, principalmente pela execução beirando a perfeição. Os ritmistas levantaram as arquibancadas, como no arranjo em que a bateria pede palmas para os foliões no trecho “Abre as asas sobre nós”. Todos os integrantes demonstraram muita alegria, em especial as meninas do chocalhos e, o ponto mais relevante, a valorização da sustentação do canto da escola e realização das paradinhas em trechos estratégicos.

O mestre Rodrigo Moleza contou como foi a reação dos ritmistas com a notícia
e ressalta que prêmio tem gosto diferente após praticamente todas as bateria
ganharem nota máxima.

“Sempre quando a gente acaba o desfile temos a impressão se foi bom, se foi marcante. Quando passamos da faixa amarela a gente tinha consciência da bela apresentação. A gente passou bem na cabine dos quatro jurados, até pela sustentação e em termos de evolução. Uma coisa marcante foi na monumental, a gente fez uma bossa e a galera correspondeu, foi ao delírio, nós prezamos muito por uma apresentação direcionada ao povo, mas dentro do regulamento. Quando foi publicado nas redes o resultado do tradicional Estrela do Carnaval, isso tirou um pouco da angústia de antes da apuração. Praticamente todas as baterias tiraram nota dez, como todas cumpriram o seu papel, a que se destacou ganhou o prêmio, então acaba dando mais peso. A gente fica muito feliz de trabalhar, focamos nos detalhes, fundamento, fazemos uns arranjos legais e deu certo. Vocês vão ver a felicidade dos diretores, dos ritmistas ao receber o troféu e mostrar o que a gente fez na avenida”.

Comentários