A Mocidade Independente de Padre Miguel segue protestando contra a indefinição da liberação da verba para as escolas de samba pela prefeitura. O contrato com a Liesa e a Riotur ainda não foi assinado. Por isso, a escola segue sem realizar seu ensaio de rua.

Quem passa pelo barracão da escola na Cidade do Samba vê a explicação da escola para o atual momento. “Em virtude da indefinição relativa ao repasse de verbas por parte da prefeitura às agremiações do Grupo Especial, a Mocidade Independente de Padre Miguel informa que o barracão da Cidade do Samba estará fechado assim como foram cancelados os ensaios de rua. A roda de samba que tradicionalmente ocorre após os ensaios também não acontecerão. A medida visa protestar contra a calamitosa situação que compromete o Carnaval 2019. Havia a promessa do primeiro repasse acontecer no último dia 12 de novembro, algo que não aconteceu e nem foi justificado pelo órgão público. A Mocidade se posiciona em busca de mais respeito a quem acrescenta financeira, cultura e socialmente ao município”, diz o texto da Mocidade.

A Mocidade Independente de Padre Miguel será a última escola a desfilar na segunda-feira de carnaval com o enredo ‘Eu sou o Tempo. Tempo é Vida’ de autoria do carnavalesco Alexandre Louzada.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui