Compositores: Herval Neto, Wilson Junior, Henrique Fernandes, Lucian Kastro, Kiko Feitosa

NASCEU TINA NA FÉ, COM O ROSÁRIO NO PEITO,
AO SOM DA ROUPA BATIDA, CANTADA NA PEDRA DO LEITO
DO RIO, ONDE CORRE O SANGUE ANCESTRAL
FILHA DE BANTO, LAVADEIRA, GANHADEIRA,
FLORES A GLÓRIA DE NOSSA SENHORA
À VALENCIANA DEVOTA A PADROEIRA
QUE FAZIA HISTÓRIA NO TERREIRO DE POEIRA
DA ROÇA PARA OSVALDO CRUZ
SUBIA E DESCIA LADEIRAS
FEZ SEU AMOR, A SUA VOZ,
FELIZ NOS PÉS DE MANGUEIRA

SACODE A SAIA NA COZINHA, MÃE PRETA, SUSTENTA O SAMBA NO GOGÓ, SEM DÓ
SACODE A SAIA NA COZINHA , MÃE PRETA, TEM PENA DE NÓS, TEM DÓ

CADÊ VOCÊ CLEMENTINA?
GINGANDO NA “TABERNA” COM SEU MARINHEIRO
DESABROXA “ROSAS DE OURO” COM PINGOS DE MEL
UMA VOZ ENVIADA DO CÉU
LEVANTA!!!, MEU POVO DO “CATIVEIRO”
CELEIRO DE BAMBAS, SANTUÁRIO DE FÉ,
ELA É PRETA, ELA É CRENÇA, É AXÉ
DE ABALUAYÊ A SÃO JOÃO BASTISTA
ZAMBI FOI INSPIRAÇÃO DE LUZ,
OXUM MOSTROU O CAMINHO
PRA ETERNIZAR A NOSSA “DE JESUS”
A MOCIDADE ESTÁ DE JOELHOS, NA MORADA DA EMOÇÃO,
PARA COROAR NA AVENIDA, A RAINHA NEGRA DA CANÇÃO

MEU CANTO É MAIS ALTO, COM PARTIDO ALTO, NA PALMA DA MÃO
QUELÉMENTINA , VEM “VADEAR” , NO MEU CORAÇÃO

Comentários